Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

São Paulo joga por empate em Medellín para chegar à semifinal

Medellín (Colômbia)

Qualquer empate basta para o São Paulo eliminar o Atlético Nacional e avançar à semifinal da Copa Sul-americana. Após vencer o jogo de ida por 3 a 2, no Morumbi, o time, em alta no Campeonato Brasileiro, decide a vaga no torneio continental a partir de 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira, em Medellín, na casa do adversário.

A vantagem não é grande porque a equipe colombiana se classifica com uma vitória simples ou por 2 a 1, tendo em conta os gols como visitante. Ainda assim, é maior do que a levada para o Chile, na fase passada, depois de empatar o primeiro duelo com a Universidad Católica por 1 a 1, em casa - na partida de volta, o São Paulo venceu por 4 a 3.

"Temos que jogar de forma mais inteligente. A equipe deles vai ter que sair mais, porque recisam da vitória. Precisamos explorar os contra-ataques. Vamos ver se conseguimos fazer um bom jogo para sair com a classificação", disse o meia Jadson, mais uma vez substituto de Paulo Henrique Ganso devido a suspensão do titular.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Tal qual no jogo de ida, Jadson (foto) será mais uma vez o susbtiuto de Paulo Henrique Ganso, que está suspenso
Ganso, que não atuou no jogo anterior do torneio por ter sido expulso nas oitavas de final, foi notificado no fim de semana de uma punição ainda maior da Conmebol. Ele pegou duas partidas de gancho, uma já cumprida de forma automática, e ficou fora da relação novamente. Uma baixa importante, apesar de Jadson ter feito um golaço quando assumiu seu lugar.

"Sem dúvida nenhuma, a ausência do Ganso é sentida. Não pela entrada do Jadson, mas porque qualquer jogador com a qualidade dele seria uma opção a mais para o treinador colocar em prática o que a gente vem fazendo nas últimas partidas, e foi com o Ganso jogando na maioria das vezes", opinou o goleiro e capitão Rogério Ceni.

Muricy Ramalho não terá Ganso, porém se programou para contar com Luis Fabiano. O técnico preservou o atacante no Campeonato Brasileiro para tê-lo em melhores condições físicas nesta quarta-feira. Assim, fica a dúvida de quem sai: Aloísio, que vive grande fase e faz a mesma função, ou Ademilson, o qual teoricamente completa melhor o camisa 9?

No Nacional, que lidera o Campeonato Colombiano, o duelo desta quarta-feira é tratado como "o mais importante do semestre". Fernando Uribe e Jefferson Duque, autores dos gols do revés na capital paulista, além do veterano Juan Pablo Ángel estão relacionados pelo técnico Juan Carlos Osorio, que deixou o Morumbi irritado com o tropeço na semana passada.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO NACIONAL-COL X SÃO PAULO

Local: Estádio Atanasio Girardot, em Medellín (Colômbia)
Data: 6 de novembro de 2013, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Enrique Osses (CHI)
Assistentes: Carlos Astroza (CHI) e Sergio Román (CHI)

ATLÉTICO NACIONAL: Armani; Calle, Henríquez, Murillo e Díaz; Medina, Mejía e Valencia; Bernal, Cárdenas e Uribe (Ángel)
Técnico: Juan Carlos Osorio

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rodrigo Caio e Antônio Carlos; Douglas, Denilson, Maicon, Jadson e Reinaldo; Aloísio (Ademilson) e Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade