Futebol/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Vasco tenta sair da degola contra o Santos no Maracanã

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Ameaçado pelo rebaixamento, o Vasco tenta embalar na reta final do Campeonato Brasileiro, na tentativa de se manter na elite do futebol nacional em 2014. Para isso, os cruz-maltinos precisam bater o Santos, neste domingo, em um Maracanã que estará lotado, pois a torcida esgotou os ingressos para esta partida. O Peixe, por sua vez, ainda sonha em buscar uma vaga no G-4, para chegar a Libertadores.

Pelo lado do Vasco, o clima é de expectativa por mais uma vitória, que pode fazer com que os cruzmaltinos saiam da zona de rebaixamento. O técnico Adílson Batista antecipou a concentração e conversou muito com o elenco esta semana. Sobre a escalação, o treinador fez alterações em duas posições em comparação a sua estreia. O volante Wendel, suspenso, está fora. Com isso, Abuda será o titular. Já no meio, Francismar não agradou contra o Coritiba e Reginaldo terá uma chance de começar o jogo.

O comandante explicou a mudança. ‘’ O Reginaldo também é um jogador ofensivo, que chega, chuta, sabe tabelar, entra na área. É um jogador que vi potencial, entrou bem contra o Coritiba e entrou marcando. É possível fazer essa função de marcar o lateral adversário, sim’’, disse Adílson Batista.

Arte GE.Net
Mesmo com chance de sair da degola nesta rodada, o pensamento de todos em São Januário é focar em cada jogo de uma vez. O volante Pedro Ken destacou que o Vasco precisa vencer todos as partidas que fizer em casa para escapar do rebaixamento.

‘’É importantíssimo que a gente consiga confirmar os três pontos dentro de casa. Se quisermos sair desta situação é assim que vai ter que ser. Temos três jogos em casa e temos que vencer todos. Não podemos ficar fazendo conta agora. Temos que pensar jogo a jogo. É assim que a gente vai subir degrau a degrau e sair deste momento’’, declarou.

Os santistas ainda sonham com o G-4, apesar da distância para os times que estariam qualificados para a Libertadores ter aumentado nas últimas rodadas, com o empate no clássico diante do Corinthians e a derrota para o líder Cruzeiro.

‘’Nós ainda temos chances matemáticas. Por isso, vamos buscar jogo a jogo crescer na competição. Enquanto tivermos chances, por mais que seja difícil, não vamos jogar a toalha’’, comentou o volante Alison.

O também volante Arouca destacou as dificuldades que a equipe praiana deve encontrar atuando diante do Vasco, que tenta deixar a zona de rebaixamento do Brasileirão.

‘’Devemos esperar muitas dificuldades, até mesmo pela situação deles, que estão tentando fugir do rebaixamento. O Maracanã deve estar lotado e o Vasco vai vir em massa para cima da gente. Trabalhamos bastante durante a semana para não sermos surpreendidos. Vamos buscar os três pontos’’, analisou o jogador.

Sem  o lateral-direito Cicinho, com dores no tornozelo, e Thiago Ribeiro, recuperando-se de lesão na coxa, Claudinei Oliveira acabou escolhendo Bruno Peres e Geuvânio, respectivamente. O segundo já havia sido testado na derrota de 1 a 0 para o Cruzeiro e acabou agradando o técnico.  

FICHA TÉCNICA

VASCO-RJ X SANTOS-SP

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 10 de novembro de 2013, domingo
Hora: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Assistentes: Marrubson Melo Freitas (DF) e Rafael da Silva Alves (RS)

VASCO: Alessandro, Fagner, Jomar, Cris e Yotún; Abuda, Pedro Ken, Juninho Pernambucano e Marlone; Reginaldo e Edmilson
Técnico: Adílson Batista

SANTOS: Aranha; Bruno Peres, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Alison, Arouca, Cícero e Montillo; Geuvânio e Willian José
Técnico: Claudinei Oliveira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade