Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Walter se diz encoberto no gol, mas admite que "poderia ter ido melhor"

Rio de Janeiro (RJ)

Pela primeira vez desde que assumiu o posto do contundido Cássio, Walter deixou uma partida do Corinthians insatisfeito com o próprio desempenho. O goleiro chegou a tocar na bola, mas não evitou o único gol da derrota para o Flamengo no chute forte de Paulinho, de fora da área.

“A gente sabe que poderia ter evitado, mas, no futebol, está sujeito a erros. Não errei em outros jogos. Desta vez, poderia ter ido melhor”, afirmou o camisa 27, que teve bons momentos no jogo, como uma intervenção em um passe de Adryan para Hernane que terminaria em bola na rede não fosse ele.

Especificamente sobre o lance que definiu o confronto, aos 18 minutos do primeiro tempo, Walter disse ter sido atrapalhado por sua visão encoberta. Cleber saiu da área após o drible de Paulinho em Guilherme e não conseguiu bloquear o chute. A bola tocou na mão do goleiro e entrou no canto direito alto.

“Foi um chute difícil. Nosso zagueiro saiu para interceptar a jogada, e o chute me pegou sem visão. Se eu tivesse visto a bola saindo do pé dele, teria ficado mais fácil, eu teria defendido. Fiquei encoberto, e ele bate bem, a gente sabia disso. Não deu, bola para a frente”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade