Atletismo/Corrida Sargento Gonzaguinha - ( - Atualizado )

Após seis vices, Israel dos Anjos vence a Gonzaguinha pela 1ª vez

São Paulo (SP)

O brasileiro Israel dos Anjos finalmente conseguiu vencer a Corrida Sargento Gonzaguinha. Na manhã deste domingo, o soldado da Polícia Militar acabou com seu histórico de vice-campeonatos na prova e conquistou a 47ª edição do evento, realizada em São Paulo.

Israel, seis vezes vice-campeão, comandou o ritmo da prova, andando na frente desde os primeiros dos 15km do evento, e cruzou a linha de chegada com o tempo de 46min58s, seguido por Sérgio Celestino da Silva, segundo colocado, e o queniano Francis Kiplagat Lagat, que fechou o pódio em São Paulo com a terceira colocação.

A Gonzaguinha é considerada uma das principais provas de preparação para a Corrida Internacional de São Silvestre, já que ambas têm percurso de 15km e são realizadas com apenas algumas semanas de intervalo.

“A experiência contou bastante porque em alguns pontos que errei nos anos anteriores, hoje consegui corrigir e acabei acertando. O Celestino é um atleta de nível nacional. Tentei abrir dele no km 5, não consegui, mas no km 7 senti outra oportunidade e aí deu certo. Vi que ele ficou um pouco, só aumentei o ritmo e administrei até o final”, explicou o campeão da Gonzaguinha.

No feminino, a vitória da Sargento Gonzaguinha foi da tanzaniana Failuna Abdi Matanga, da equipe Luasa. A atleta africana não teve problemas para superar o ritmo das adversárias e garantiu uma vitória tranquila em São Paulo, com a marca de 55min48s.

A melhor brasileira na prova foi a carioca Gisele Barros de Jesus, segunda a cruzar a linha de chegada dentro da Escola de Educação Física da Polícia Militar, com a marca de 59min20s, seguida por Maria Aparecia Vecchio. As atletas brasileiras, no entanto, se inscreveram para correr o evento na categoria para militares, o que fez Failuna Abdi Matanga subir sozinha ao pódio da elite feminina.

“Não adiantava nada eu me matar para correr no ritmo dela porque a gente era de categorias diferentes, não podia correr o risco de perder o primeiro lugar para militares. Corri com ela uns 3km e depois fui no meu ritmo mesmo”, afirmou Gisele, que recentemente disputou o Campeonato Mundial Militar de maratonas, no Suriname.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Israel dos Anjos venceu a Corrida Sargento Gonzaguinha depois de ficar com o vice seis vezes

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade