Corrida Internacional de São Silvestre - ( )

Especialistas sugerem trechos de caminhada na SS para destreinados

São Paulo (SP)

A Corrida Internacional de São Silvestre, que este ano chega a sua 89ª edição, é famosa pela participação de atletas amadores pelas ruas de São Paulo no último dia do ano. Mas quem não se preparar de forma adequada pode enfrentar dificuldades para completar os 15km do percurso e por isso especialistas recomendam trechos de caminhada na prova a quem tem como única meta cruzar a linha de chegada.

Na temporada passada, a São Silvestre reuniu cerca de 25 mil corredores na maior cidade do País. Este ano, foram abertas 27.500 vagas para os atletas, que tiveram até o último sábado para se inscrever em um dos eventos mais tradicionais do calendário esportivo nacional.

“Esta tática tem que ser muito usada por quem não treinou nada. Corre oito minutos, anda dois ou corre sete e anda três. Principalmente porque em alguns momentos o cara caminhando rápido estará melhor do que correndo. Às vezes ele está se matando para correr e não está sendo eficiente”, avaliou Marcos Paulo Reis, ex-técnico da Seleção Brasileira de triatlo e também dono de uma assessoria esportiva.

Assim como no ano passado, a prova será realizada no período da manhã, com a primeira largada, para cadeirantes, às 6h50 (de Brasília), e para portadores de necessidades especiais, às 6h55. O pelotão de elite feminino terá a largada às 8h40. Logo em seguida, às 9h, é a vez do pelotão de elite masculino, pelotão especial (masculino e feminino) e atletas em geral.

O percurso de 15 km também segue o mesmo de 2012. A largada será na Avenida Paulista, altura da Rua Frei Caneca, e a chegada em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero.

“Se a meta é apenas concluir a prova, sem preocupações com o tempo, é válido dar uma caminhada para recuperar o fôlego, sentir a perna dar uma descansada e aí voltar ao trotezinho pelo menos para enfrentar mais um trecho”, concordou o corredor Adriano Bastos, octacampeão da Maratona da Disney.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Apenas cruzar a linha de chegada é objetivo de muitos participantes da Corrida Internacional de São Silvestre

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade