Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após rápida ascensão, Claudinei Oliveira não objetiva volta ao Peixe

Santos (SP)

Em 2003, Claudinei Oliveira, então goleiro, aposentou-se dos gramados. Mas, dez anos depois, já à beira dele, começou a carreira de técnico logo no Santos. Após a rápida ascensão, o treinador teve curta passagem pela Vila Belmiro, mas já pôde ter o boom que precisava para futuros desafios.

“Na minha vida em geral, tudo aconteceu muito rápido. 2013 foi especial, não tem como descrever, foi um prazer muito grande que tive”, comemorou o comandante, substituído pelo ex-botafoguense Oswaldo de Oliveira. No entanto, o seu sucessor só será apresentado oficialmente dia 6 de janeiro.

Ricardo Saibun/Santos FC
Claudinei Oliveira diz que eventual volta ao Santos não é objetivo da carreira: "Pode acontecer naturalmente"
Vendo uma pitada do trunfo pessoal na montagem do elenco santista deste ano, Claudinei Oliveira aceitaria voltar a trabalhar na Vila Belmiro daqui a algum tempo, mas sem colocar isto como obsessão. Isto porque, durante os meses no litoral paulista, ele deixou a transpiração diária.

“Não vou dizer ‘até breve’, ou ‘até logo’. Posso voltar, com o maior prazer, mas não coloco isso como objetivo, já que pode acontecer naturalmente. Fiz tudo o que tinha pra fazer”, garantiu, antes de revelar o carinho que recebe de vários torcedores no dia a dia.

Claudinei Oliveira nunca convenceu alguns dirigentes de que era a melhor opção para a reformulação de 2014. Ney Franco, do Vitória, chegou a ser o mais cotado, mas acabou fazendo exigências inaceitáveis e viu Oswaldo de Oliveira ser confirmado nesta quarta-feira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade