Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Barrado por Mourinho, David Luiz pode ir ao Barça em janeiro, diz jornal

Londres (Inglaterra)

“A janela de transferências está fechada, mas isto não impede que as negociações aconteçam”. Foi com esta frase que o jornal inglês The Mirror abriu uma de suas principais reportagens esportivas deste fim de semana. Nela, a publicação informa a iminência de uma transferência que promete mexer com o mercado europeu em janeiro de 2014, quando a janela reabre no Velho Continente. Insatisfeito no Chelsea, o zagueiro brasileiro David Luiz pode se transferir ao Barcelona.

De acordo com o The Mirror, o comandante dos Blues, José Mourinho, já abriu as portas de saída para o defensor canarinho. A relação entre ambos não é nada boa, e, diferente do início da temporada, o português não estaria disposto a segurar David Luiz no caso de novas investidas do Barcelona. O clube catalão fez uma proposta ao clube de Stamford Bridge em junho deste ano, mas Mourinho garantiu contar com o brasileiro na atual temporada. Algo que não vem acontecendo.

Apesar de titular absoluto na Seleção Brasileira de Luiz Felipe Scolari, David não goza de grande prestígio junto ao ex-técnico do Real Madrid. É reserva de Gary Cahill e John Terry, e, em algumas oportunidades, sequer foi relacionado para estar no banco de suplentes. No total, só disputou cinco partidas na Premier League, competição na qual o Chelsea passou a atuar bem somente após a ascensão da dupla de zaga inglesa.

AFP
Sem prestígio com Mourinho, David Luiz deve dar adeus ao Chelsea; Barcelona e Bayern são os prováveis destinos

De acordo com o Mundo Deportivo, da Catalunha, o Barça foi informado da situação de David e já prometeu novas investidas na janela de transferências que reabre no primeiro dia do próximo ano. A concorrência, porém, deve ser forte, uma vez que o Bayern de Munique também estaria interessado no defensor. Sem um companheiro à altura de Dante, que, neste momento, joga ao lado do alemão Boateng, Pep Guardiola gostaria de contar com o entrosamento da dupla da Seleção Brasileira.

A necessidade do Barcelona, por outro lado, pesaria à favor do clube catalão. Desde a última temporada, a equipe azul-grená sofre com a escassez de zagueiros, já que Puyol está em fim de carreira e o jovem Marc Bartra não é confiável. Assim, volantes como Mascherano, Song e até mesmo o lateral esquerdo Adriano já jogaram improvisados no miolo da defesa, ao lado de Piqué. Como nas últimas janelas de transferências o Barça não contratou nenhum reforço para a sua retaguarda, janeiro de 2014 seria visto como o prazo final. 

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade