Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Botafogo renova contrato do experiente zagueiro Bolívar

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

A diretoria do Botafogo anunciou na manhã desta terça-feira a renovação de contrato do zagueiro Bolívar por mais um ano. O jogador vinha negociando com o clube havia duas semanas e chegou a um acordo na noite de segunda-feira. Os valores não foram revelados, mas as duas partes não tiveram problemas nas conversas. O que vinha pegando era o tempo de duração do novo vínculo. O defendor queria um compromisso por dois anos, mas acabou cedendo ao desejo dos dirigentes de assinar apenas até o fim de 2014.

Bolívar, de 33 anos, foi contratado pelo Botafogo no início de 2013, após um longo período no Internacional, onde se tornou um dos principais ídolos da torcida. Sua garra e alguns gols importantes no Campeonato Carioca, vencido com tranquilidade pelo Alvinegro, foram determinantes para ele contar com a confiança dos torcedores botafoguenses, formando uma parceria eficiente com Dória.

Na noite de segunda-feira, Bolívar já dava a entender que permaneceria no Botafogo, pois não fugiu de responder perguntas sobre a saída do técnico Oswaldo de Oliveira. Para o zagueiro, os resultados conquistados no ano não justificam a mudança no comando do time. Além disso, o jogador garante que o ambiente de trabalho em General Severiano foi tranquilo durante a temporada.

"Eu fico muito chateado por tudo que eu vivi com o Oswaldo nesses 11 meses no Botafogo. Fico triste, porque além do lado profissional criamos um vínculo de amizade. A relação dele com os jogadores sempre foi muito boa. Então essa notícia me pegou um pouco de surpresa e eu fico chateado depois de um ano muito bom como o de 2013", relatou à Rádio Tupi do Rio de Janeiro.

Botafogo e Oswaldo de Oliveira acertaram a saída em comum acordo em reunião realizada na tarde desta segunda-feira, no Rio de Janeiro. Aguardando o anúncio do novo comandante alvinegro, Bolívar confia na diretoria alvinegra e espera que ele esteja à altura do antecessor.

"O elenco que temos e a grandeza do Botafogo requer um treinador do mesmo nível que o Oswaldo. A grande maioria deles está empregada, mas não podemos esquecer que alguns treinadores que não tem essa fama de medalhão conseguiram grandes resultados, como o Marcelo Oliveira no Cruzeiro e o Vagner Mancini no Atlético Paranaense. A direção é muito coerente e vai saber escolher o novo treinador", concluiu o zagueiro.

O anúncio da renovação de contrato de Bolívar, que foi feita no site oficial do clube, aconteceu um dia depois de o Glorioso ter confirmado a permanência, por mais um ano, do lateral direito Edilson. Agora, dos jogadores com contrato se encerrando em 31 de dezembro, falta resolver a vida do zagueiro André Bahia, que já vem negociando, e do atacante Elias, que tem os direitos federativos ligados ao Resende-RJ e está nos planos. O atacante Bruno Mendes está tendo a sua situação estudada. Já o zagueiro Rodrigo Defendi foi avisado que não vai permanecer. 

Os reforços e o nome do novo treinador só deverão ser resolvidos depois de quarta-feira, quando o clube vai saber se poderá ou não contar com a vaga na Copa Libertadores. Para se classificar para o torneio continental o Alvinegro precisa que a Ponte Preta não conquiste o título da Copa Sul-americana. A final será contra o Lanús, na Argentina, e na ida os times empataram por 1 a 1.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade