Futebol Feminino - ( - Atualizado )

Brasil goleia Chile e conquista o Torneio Internacional de Brasília

Brasília (DF)

Na tarde deste domingo, o futebol feminino do Brasil conquistou mais um título: o Torneio Internacional de Brasília. As comandadas de Márcio Oliveira levantaram o troféu após derrotarem o Chile, pelo expressivo placar de 5 a 0. Os gols do triunfo foram anotados por Formiga, Marta, Darlene, Cristiane e Debinha.

O jogo – Logo aos oito minutos, o Brasil inaugurou o placar em Brasília. Em cobrança de falta na intermediária, Andréa Rosa carimbou o travessão, mas viu Formiga aproveitar o rebote, mergulhando de cabeça para balançar as redes de Christiane Endler.

Aos 24 minutos, após receber de Marta, Cristiane invadiu a área e finalizou firme, mas parou em boa defesa de Endler. Antes da partida, a atacante brasileira cogitou atuar de óculos, já que passa por um problema na vista. Porém, a chuva que caiu na capital federal impediu Cris de utilizar o objeto, já que o mesmo prejudicaria ainda mais sua visão.

Com 31 jogados, aproveitando um desarme ofensivo, Marta avançou pela intermediária, invadiu a área e finalizou à esquerda de Endler. Porém, aos 40, a camisa 10 não desperdiçou a chance de marcar o gol: após receber um passe açucarado na área, dominou com tranquilidade e finalizou de pé esquerdo para vencer a arqueira adversária.

Somente aos quatro minutos da segunda etapa, o Chile levou perigo à meta brasileira. Após ser enganada pelo quique da bola, Andréa Rosa perdeu na corrida para Francisca, que invadiu a área mas finalizou por cima do gol de Thaís Picarte. Porém, aos 11 minutos, o Brasil marcou seu terceiro tento. Após receber um lançamento primoroso de Marta, Debinha tentou driblar Endler, mas foi desarmada. No rebote, Darlene aproveito o gol vazio e finalizou com precisão, para balançar a rede adversária.

Aos 19 minutos, Debinha foi lançada por Formiga, invadiu a área e foi parada por Endler, que praticou grande defesa. Quatro minutos mais tarde, o Brasil ficou desfalcado de sua principal jogadora: sozinha, Marta sentiu dores no tornozelo e abandonou o campo, ovacionada, dando lugar à Andressa Alves. A substituta da camisa 10, em seu primeiro lance, assistiu o quarto gol, marcado por Cristiane, aos 32 minutos. Porém, o placar só foi encerrado com o gol de Debinha, que deixou sua marca aos 41.

Divulgação/CBF
Marta deixou sua marca e foi decisiva para a conquista do título do Torneio Internacional de Brasília

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade