Futebol - ( )

Elias recorda gol "mais importante" da carreira com o filho no colo

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Elias foi um dos premiados do Troféu Mesa Redonda, exibido pela TV Gazeta na noite do último domingo. Sua madrinha na cerimônia foi Paula Carvalho, sua mulher, e ela apareceu no palco com o garoto Davi. Com o filho no colo, o volante do Flamengo recordou um momento marcante de sua carreira.

Foi nas semifinais da Copa do Brasil. Após uma semana muito difícil, preocupado com a pneumonia do menino, que ainda não completou dois anos, o jogador marcou o gol da vitória rubro-negra por 2 a 1 sobre o Goiás, definindo a classificação à decisão – na qual seu time seria campeão. A torcida gritou o nome de Davi.

“Foi um momento difícil. A torcida do Flamengo me apoiou, abraçou, cantaram o nome dele. Esse moleque mudou a minha vida. Hoje, dedico minha vida exclusivamente a ele. Está tudo bem com ele”, afirmou o meio-campista, que formou com o cruzeirense Nilton a dupla de volantes laureada na décima edição do Troféu Mesa Redonda.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Elias ouviu timidamente gritos de "volta, Elias" de um corintiano que acompanhou o Troféu Mesa Redonda
O jogador sorriu timidamente quando um corintiano da plateia gritou “Volta, Elias”. O Corinthians já descartou, pelo menos por enquanto, o retorno do atleta, que está nos últimos dias de seu empréstimo ao Flamengo. Com os direitos divididos entre o português e o Sporting, ele deverá ser adquirido em definitivo pelo clube da Gávea.

Deixando as negociações de lado, o atleta se permitiu sorrir mais um pouco com o momento que marcou a sua temporada. Ou mais do que isso. “Com certeza, foi meu gol mais importante. Não desejo para ninguém aquele situação, mas a torcida me apoiou. Com certeza, foi o gol mais importante”, repetiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade