Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Festa da torcida contagia jogadores do Atlético-MG antes do Mundial

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

A torcida do Atlético-MG deu um verdadeiro show na despedida do Atlético-MG rumo ao Mundial de Clubes. O Galo ficou no empate em 2 a 2, com o Vitória, mas o resultado foi o que menos importou para a torcida, que aplaudiu de pé a equipe que segue nesta segunda-feira, para o Marrocos, para tentar o inédito título Mundial. A festa dos torcedores contagiou os jogadores que seguem para a África com a moral em alta.

“Muito bom, gostoso sentir isso. O momento é especial e mostra a determinação a vontade, não só da nossa equipe, mas da torcida com conosco. A melhor forma de retribuir isso é dar o nosso melhor lá no Mundial. Eles (torcedores) podem ficar tranquilos porque nosso melhor, a determinação a raça que nós mostramos aqui, vamos mostrar lá independente das dificuldades”, disse o atacante Fernandinho.

O lateral Marcos Rocha afirmou que ele e os companheiros vão sentir falta do carinho da torcida do Atlético-MG, mas garantiu que não vai faltar garra e união para trazer o título Mundial para o Galo. O jogador deixa claro que são duas partidas que podem mudar definitivamente a vida dos atleticanos, e que o foco é total para conquistar o mundo.

“São dois jogos que podem mudar a história do Atlético-MG. A gente vai lá com toda união, com toda a garra, confiança, sabendo das dificuldades que vamos enfrentar. Desde o início do jogo, a torcida gritando, cantando e vamos sentir falta disso, mas pensando que tem milhões de torcedores nos esperando para coroar com o título”, declarou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade