Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Neymar está entre finalistas do prêmio Puskas pelo quarto ano seguido

Zurique (Suíça)

No mesmo dia em que anunciou os finalistas do prêmio Bola de Ouro, a Fifa indicou os três jogadores escolhidos para concorrer ao Prêmio Puskas, que elege o gol mais bonito do ano. Pelo gol marcado na vitória do Brasil por 3 a 0 sobre o Japão, na estreia da Copa das Confederações, Neymar entrou na disputa final pelo quarto ano consecutivo.

No lance, Fred ajeitou a bola com o peito para o camisa 10 da Seleção Brasileira, que, na meia-lua, acertou um chute com o peito do pé, de primeira, sem chances de defesa para o goleiro Kawashima.

O jogador do Barcelona venceu o prêmio em 2011, ainda quando defendia o Santos, pelo gol marcado em partida contra o Flamengo, válida pelo Campeonato Brasileiro.

O sueco Zlatan Ibrahimovic, do Paris Saint-Germain, também concorre ao prêmio pelo gol marcado no amistoso entre Suécia e Inglaterra. Na ocasião, Ibra aproveitou que o goleiro Joe Hart estava fora da área e, com uma linda bicicleta, marcou um golaço de cobertura.

AFP
Neymar comemora gol contra o Japão, que abriu caminho para o título brasileiro na Copa das Confederações
O meia sérvio Nemanja Matic, do Benfica, é o outro concorrente. No clássico contra o Porto, pelo Campeonato Português, Matic ajeitou a bola com o peito e acertou um sem pulo de esquerda.

Nas quatro edições anteriores do Prêmio Puskas, nunca houve a repetição de um vencedor. Cristiano Ronaldo ganhou em 2009, Hamit Altintop no ano seguinte, Neymar em 2011 e Miroslav Stoch no ano passado.

A votação do gol é aberta ao público e será feita no site da Fifa. O vencedor será conhecido no dia 13 de janeiro, em Zurique (Suíça), na cerimônia que também premiará o melhor jogador do ano.

Craque também é indicado à seleção do ano

Apesar de não estar entre os finalistas para o prêmio Bola de Ouro, que elege o melhor jogador da temporada, Neymar pode figurar na seleção do ano. O craque da Seleção Brasileira e do Barcelona está, junto ao compatriota Diego Costa, entre os 15 atacantes indicados.

Os demais indicados pela Fifa à seleção do ano são: Sergio Agüero (Manchester City), Mario Balotelli (Milan), Edinson Cavani (Paris Saint-Germain), Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Didier Drogba (Galatasaray), Falcao Garcia (Monaco), Zlatan Ibrahimovic (Paris Saint-Germain), Robert Lewandowski (Borussia Dortmund), Mario Mand?ukic (Bayern de Munique), Wayne Rooney (Manchester United), Luis Suárez (Liverpool) E Robin van Persie (Manchester United).

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade