Futebol - ( )

Rafinha diz que família alvinegra queria seu acerto com o Corinthians

Londrina (PR)

Campeão mundial com o Bayern de Munique na semana passada, Rafinha curte um período de descanso em Londrina. A passagem pelo Brasil é temporária, mas poderia ter sido permanente se ele tivesse aceitado a oferta do Corinthians em vez de renovar o seu contrato com o clube alemão.

“Houve a oferta do Corinthians, e eu estava praticamente acertado em valores. Claro que eu queria voltar ao Brasil, ficar perto da minha mãe. Corintiano, minha mãe também é. Minha família tem muito corintiano, todos queriam que eu viesse”, afirmou à TV Globo.

O lateral de 28 anos, no entanto, acabou ficando mesmo no Bayern. Pesou o espaço ganho por ele na equipe desde a chegada do técnico Pep Guardiola, no meio do ano, e a possibilidade de seguir naquela que é certamente uma das grandes formações do futebol europeu.

AFP
Rafinha renovou seu contrato com o Bayern no Marrocos, antes da final do Mundial
“Estou no Bayern de Munique, um dos melhores times do mundo. Estou jogando, e o clube queria que eu ficasse, fez uma proposta muito boa para mim. Eram mais três anos. Resolvi ficar mais algumas temporadas na Europa e depois voltar”, comentou o jogador.

Com a negociação fracassada, o Corinthians se viu em dificuldades na lateral direita. Alessandro, que já não estava nos planos para 2014, aposentou-se. Edenílson aceitou uma proposta salarial do futebol italiano e está de saída. Diego Macedo, emprestado pelo Bragantino até o fim do Campeonato Paulista, é hoje a única opção do setor.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade