Futebol/Bola de Ouro da Fifa - ( - Atualizado )

Sem brasileiros, Fifa anuncia meio-campistas finalistas à seleção do ano

Zurique (Suíça)

A Fifa, em parceira com a FIFPro, divulgou nesta sexta-feira os nomes dos 15 meio-campistas candidatos às três vagas da seleção do ano da entidade, revelada no fim da temporada. Repetindo a lista dos goleiros, nenhum brasileiro figura entre os finalistas no meio de campo. Como no ano passado, quando o time inteiro foi formado por jogadores que atuavam no Campeonato Espanhol, a maior parte dos atletas que lutam por uma vaga na ‘meia cancha’ jogam na Liga BBVA - seis. O futebol alemão (4), inglês (3), e italiano (2) completam a lista.

Quem parece ter vaga garantida é o francês Franck Ribéry. Principal jogador do Bayern de Munique, ele foi um dos protagonistas da conquista da Tríplice Coroa (Campeonato Alemão, Copa da Alemanha e Liga dos Campeões da Europa) e ainda ajudou a classificar a França para a Copa do Mundo de 2014. Além dele, o time bávaro colocou o holandês Arjen Robben e o alemão Bastian Schweinsteiger na lista final. Atual vice-campeão europeu, o Borussia Dortmund tem apenas o jovem Marco Reus como seu representante.

Outro destaque é o galês Gareth Bale. Contratado pelo Real Madrid nesta temporada pelo maior valor da história do futebol (cerca de R$ 300 milhões), o canhoto foi eleito o melhor jogador do último Campeonato Inglês e levou o Tottenham Hotspur à Liga Europa deste ano. Além dele, o jovem espanhol Isco e o já experiente Xabi Alonso são os outros jogadores da equipe de Santiago Bernabéu entre os finalistas. Ex-Real Madrid, Mesut Ozil também aparece na lista, mas, atualmente, defende o Arsenal.

AFP
Destaque do Bayern na conquista da Tríplice Coroa, Franck Ribery é figura carimbada na seleção do ano

Quem também tem boas chances de ser eleito para a seleção do ano é o marfinense Yaya Touré. Pilar do meio-campo do Manchester City, ele foi um dos únicos jogadores dos Citizens a não decepcionar na última temporada e, de quebra, ajudou a classificar a Costa do Marfim para o Mundial do Brasil. Além dele, o veterano Steven Gerrard, do Liverpool, também surge entre os quinze escolhidos.

Para completar, dois meias da Juventus: Arturo Vidal e Andrea Pirlo. Ambos também estarão na Copa do Mundo de 2014 e foram os principais responsáveis pelo bicampeonato italiano conquistado pela Velha Senhora na última temporada. O chileno, aliás, é o artilheiro da equipe neste ano, com 10 gols, e o italiano surge em quinto lugar na lista de goleadores da Juve, com três tentos.

Como entre os goleiros, nenhum brasileiro aparece como candidato a uma vaga no meio de campo da seleção do ano. Oscar e Ramires, ambos do Chelsea, além de Willian e Hernanes, estes com menos chances, eram algumas esperanças do futebol canarinho, que colocou cinco defensores entre os candidatos: Daniel Alves (Barcelona), Dante, (Bayern de Munique), David Luiz (Chelsea), Marcelo, (Real Madrid), e Thiago Silva (PSG).

A eleição é feita por cerca de 50 mil atletas ao redor do mundo e terá o resultado final divulgado no dia 13 de janeiro de 2014, junto com a entrega da Bola de Ouro, em cerimônia realizada na sede da Fifa, em Zurique, na Suíça. No próximo dia 9 de dezembro serão divulgados os nomes dos atacantes. A equipe é sempre armada no esquema 4-3-3.

AFP
Principais reponsáveis pelo bicampeonato italiano da Juventus no ano passado, Vidal e Pirlo estão na lista final

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade