Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Sport espera resposta de Durval, mas já trabalha em "plano B" para a zaga

Recife (PE)

Sem grande evolução na negociação com o zagueiro Durval nesta semana, a diretoria do Sport considera esta sexta-feira como dia essencial para a possível volta do jogador à Ilha do Retiro. Caso não obtenha posicionamento do atleta até o fim do dia, os dirigentes do Leão passam a pensar também em outras opções para a defesa rubro-negra.

Um dos dirigentes de futebol do clube, Arnaldo Barros, afirma que esta sexta-feira não é o prazo final, mas espera uma definição do zagueiro o quanto antes. “Não podemos esperar a posição de nenhum jogador de braços cruzados, ainda que esse jogador seja o Durval. Acho, inclusive, que ele tem mais é que avaliar mesmo e escolher o melhor para ele. O Sport não quer favor nenhum de Durval. Gostaríamos muito de contar com ele, mas só se vier completamente satisfeito”, pontua.

Para o membro da direção do Leão, a resposta de Durval influencia diretamente no planejamento do clube para a construção do elenco rubro-negro. “Temos um perfil traçado. E tanto o patamar salarial quanto as características de jogo do Durval determinam essa procura. Durval é um zagueiro que joga pelo lado esquerdo e já não tem tanta velocidade. Sua contratação ou não influenciará nas outras”, revela.

Após conquistar o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro, o Sport liberou quatro defensores: Alison, Rafael Pereira, Vinícius Simon e Tobi. Além da possível chegada de Durval, o Leão ainda deve procurar mais jogadores para reforçar o setor, que atualmente conta apenas com Oswaldo e Pereira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade