Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Técnico do Vila Nova desconhece reforço argentino: "Nunca vi jogar"

Goiânia (GO)

Na tarde desta segunda-feira, dois jogadores chegaram ao Vila Nova-GO, clube que ascendeu à Série B do Campeonato Brasileiro. Além do goleiro André Luís, chegou ao time de Goiânia o meia argentino Nacho Coira, de 18 anos. Porém, quando questionado sobre o potencial do novo atleta do Tigre, o técnico Heriberto da Cunha foi enfático e admitiu desconhecê-lo.

"O argentino eu nunca vi jogar. Ninguém viu jogar. Então, é um jogador que vai ser observado e analisado, antes de qualquer coisa. Nós temos uma semana de trabalho, só sete dias trabalhando com esses jogadores. A diretoria tentou a renovação de alguns jogadores e agora está trabalhando com outros nomes, mas com certeza vai montar a equipe. O que nós não podemos é querer acelerar e contratar de qualquer forma, sem ter condições”, ressaltou.

No Vila Nova-GO, Coira terá a oportunidade de estrear no futebol profissional. Antes de chegar ao Centro-Oeste, o atleta teve passagens pela categoria de base do Racing-ARG e também no futebol espanhol, onde defendeu Recreativo Huelva e Valladolid.

Divulgação
O argentino Nacho Coira (d), de 18 anos, foi apresentado junto com o goleiro André Luís, ex-Brasiliense-DF

Atacante pode retornar – Velho conhecido da torcida do Tigre, o experiente Wando está perto de voltar ao clube goiano. Em entrevista à rádio 730 AM, o jogador expôs que faltam detalhes para assinatura do contrato: “É um contrato que ajuda os dois. Esperamos definir isso o mais rápido possível, pois tenho saudades de vestir a camisa do Vila Nova. Tenho uma gratidão grande pelo clube e sei que o clube tem o mesmo por mim. Tomara que, no máximo até segunda-feira, eu já consiga ir para Goiânia”, explicou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade