Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Vagner Mancini não tem o contrato renovado e deixa o Atlético-PR

Curitiba (PR)

O Atlético-PR terá de correr para encontrar um novo técnico para a disputa da fase preliminar da Copa Libertadores da América. No final da tarde deste sábado, Vagner Mancini enviou nota à imprensa para anunciar que não entrou em acordo com os dirigentes rubro-negros e não comandará o clube na próxima temporada.

Mancini chegou ao CT do Caju no início do Campeonato Brasileiro para substituir Ricardo Drubsky, que havia conquistado o acesso à elite do futebol nacional em 2012. O Furacão amargava a vice-lanterna da Série A, mas rapidamente o novo técnico conseguiu implantar um estilo de jogo ofensivo e veloz para levar a equipe ao G-4.

Os atleticanos chegaram a ocupar a segunda colocação do Brasileiro, brigando com o Cruzeiro pelo título, mas optaram por priorizar a disputa da Copa do Brasil. O Rubro-Negro eliminou Palmeiras, Internacional e Grêmio para chegar a final e encontrar o Flamengo. Após empate em 1 a 1 em Curitiba, os cariocas levaram a melhor no Maracanã e ficar com a taça ao vencerem por 2 a 0.

“Fizemos um trabalho muito positivo e alcançamos ótimos resultados. Quando cheguei, o time estava na zona de rebaixamento e conseguimos, com o esforço de todos, conquistar uma vaga na pré-Libertadores”, destacou Mancini, que iniciou a carreira de treinador no Paulista de Jundiaí ao conquistar a Copa do Brasil de 2005.

Na última quinta-feira, a diretoria do Atlético-PR anunciou a chegada do sérvio Dejan Petkovic. Ex-jogador de Vasco da Gama e Flamengo, para comandar a equipe sub-23 que atuará no Campeonato Paranaense. Neste ano o clube apostou nesta fórmula para preservar o elenco principal e aprovou o resultado. p>

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade