Atletismo/Jogos Sul-americanos - ( - Atualizado )

Com Fabiana Murer, Seleção é convocada para Jogos Sul-americanos

São Paulo (SP)

Detentor de uma das seleções de atletismo mais tradicionais da América do Sul, o Brasil já definiu os 68 atletas que representarão o País na edição deste ano dos Jogos Sul-americanos, que ocorre em Santiago (Chile), entre os próximos dias 13 e 16 de março. Fabiana Murer (salto com vara), Mauro Vinícius "Duda" da Silva (salto em distância), Augusto Dutra e Thiago Braz (salto com vara), Ana Cláudia Lemos e Franciela Krasucki (100 e 200 metros) estão confirmados no torneio.

A delegação de atletas, que terá 35 homens e 33 mulheres, será chefiada pela presidente da Federação de Atletismo do Rio Grande do Norte, Magnólia Figueiredo. Além da mandatária, a comissão técnica ainda contará com Elson Miranda (SP), Neilton Moura (SP), Sanderlei Parrela (SP), Tânia Moura (SP), João Paulo Alves da Cunha (SP), Cláudio Roberto de Castilho (SP) e Edemar Alves dos Santos (SP).

Disputado pela primeira vez em 1978, em La Paz (Bolívia), os Jogos Sul-americanos ocorrem a cada quatro anos e, no Chile, chega a sua décima edição. Heptacampeã do torneio, a Argentina é a maior vencedora da história da competição, enquanto o Brasil conquistou o título em uma única oportunidade, quando sediou o torneio, em 2002. A Colômbia, primeira colocada em 2010, também em casa, completa a lista de vencedores.

Ao todo, a Seleção conquistou 1431 medalhas ao longo da história dos Jogos Sul-americanos, sendo 540 de ouro, 475 de prata e 416 de bronze. A Argentina, com 2044 medalhas (796 de ouro, 644 de prata e 604 de bronze), lidera também esta lista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade