Atletismo - ( - Atualizado )

Maurren relata susto com tiroteio e pergunta: “O Brasil tem jeito?”

São Paulo (SP)

A saltadora Maurren Maggi tomou um susto na última terça-feira. Por meio de seu perfil no Instagram, a campeã olímpica dos Jogos de Pequim-2008 relatou o ocorrido nas imediações de sua residência, localizada no bairro de Moema, e postou algumas fotos.

“Um susto grande hoje. O Brasil tem jeito? Fiquei em frente a um tiroteio em frente a minha casa. Mas está tudo bem, graças a Deus”, escreveu Maurren. “Não sei onde vamos parar com tanta violência”, acrescentou a saltadora em resposta a um de seus seguidores.

Dois adolescentes que tentavam roubar um Porsche, perseguidos pela polícia, perderam o controle e bateram. Houve troca de tiros, mas ninguém ficou ferido. Por coincidência, o nadador Thiago Pereira, medalha de bronze nas Olimpíadas de Londres-2012, também passou pelo local.

“Tenso demais! Eu vi hoje, também passei na frente quanto estava desse jeito!”, escreveu Pereira sobre o incidente no bairro de Moema. “Foi horrível. Nunca havia passado por isso antes”, disse Maurren em resposta ao comentário do nadador.

Eliminada de forma precoce nos Jogos de Londres-2012, Maurren Maggi busca patrocinadores para disputar as Olimpíadas do Rio de Janeiro-2016. Sem apoio, ela diminuiu a carga de treinamento no começo desta temporada para se dedicar a outras atividades.

Reprodução
Maurren Maggi, campeã olímpica no salto em distância nos Jogos de Pequim-2008, relatou o susto por rede social

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade