Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após provocar rival Lazio, Michel Bastos é defendido pela Roma

Roma (Itália)

Logo em sua primeira aparição oficial como jogador da Roma, o brasileiro Michel Bastos protagonizou polêmica nesta terça-feira. Mesmo sendo apresentado antes da partida contra a Juventus, pela Copa da Itália, o meio-campista optou por provocar a Lazio com um cachecol xingando a equipe rival. O jogador, porém, foi defendido pelo novo clube.

Segundo o perfil oficial da Roma em uma rede social, o jogador recebeu o cachecol com os dizeres “Lazio merda” da torcida presente no Estádio Olímpico e não sabia o que estava escrito. O clube ainda se desculpou por possíveis ofensas em nome de seu mais novo reforço.

Michel Bastos foi contratado por empréstimo junto ao Al Ain, dos Emirados Árabes e custou R$ 3,5 milhões aos cofres giallorossi, tendo vínculo até o final da temporada europeia. O time da capital italiana ainda tem a opção de comprar o atleta após o período de empréstimo por R$ 11 milhões.

Reprodução
Jogador foi criticado pela imprensa italiana após provocação da rival, mas não se pronunciou após o ato
O meio-campista se junta a outros seis brasileiros no elenco da Roma, que ainda conta com o zagueiro Leandro Castán; os laterais Dodô e Maicon; além dos meias Taddei, Marquinho e Jonatan.

Ainda não há definição sobre qual será a primeira partida de Michel Bastos com a camisa da Roma, mas o brasileiro pode estar em campo no dia 9 de fevereiro, quando terá a chance de medir a repercussão de seu ato. Nesta data, a Roma enfrenta a rival Lazio em duelo válido pela 23ª rodada do Campeonato Italiano. O clássico será disputado no Estádio Olímpico, que foi palco da provocação do brasileiro nesta terça-feira.

Antes disso, a Roma tem compromisso fora de casa neste domingo, quando encara o Verona, pela 21ª rodada do Nacional. Na segunda colocação do torneio, com 47 pontos, os giallorossi estão a oito da líder Juventus.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade