Futebol/Campeonato Inglês - ( - Atualizado )

Cazorla decide, e Arsenal permanece na ponta; City segue na cola

Londres (Inglaterra)

O Arsenal não encontrou a facilidade que esperava, neste sábado, para manter a liderança do Campeonato Inglês. Diante do modesto Fulham, dono da pior defesa e maior número de derrotas da atual edição da Premier League, os Gunners precisaram do poder de decisão do espanhol Santi Cazola, que anotou dois gols no segundo tempo, para triunfar por 2 a 0 no Emirates Stadium e seguir na ponta da competição nacional. O resultado foi fundamental, porque, no mesmo horário, o vice-líder, Manchester City, bateu o Cardiff City por 4 a 1.

No duelo do Emirates Stadium, o Fulham não chegou a apresentar grande ameaça à meta do goleiro Szczesny. Talvez somente aos 25 minutos da primeira etapa, quando Sidwell arriscou de longa distância e obrigou o polonês a trabalhar. De resto, foi um jogo de ataque contra defesa. E foi exatamente nele que o Arsenal quase deixou a importante vitória se transformar em um sofrido empate sem gols.

Isto porque o time de Arsene Wenger encontrou muitos problemas para criar chances efetivas de gol. E, quando as fazia, parava na defesa adversária. Foi assim logo aos quatro minutos de partida, quando Ozil invadiu a área, tocou na saída do goleiro Stekelenburg, e o zagueiro Burn tirou em cima da linha. Assim, também, quando Cazorla cobrou falta, a bola desviou na barreira e sobrou para Sagna que chutou para outra linda intervenção do holandês.

AFP
O espanhol Santi Cazorla anotou dois gols, tirou o Arsenal do sufoco e manteve a liderança do Campeonato Inglês

Poucos minutos antes do intervalo, Gnabry arriscou de fora da área, e a bola passou à esquerda do gol. Foi somente após a volta dos vestiários que os Gunners foram, de fato, efetivos ofensivamente. Aos seis e aos oito minutos, Stekelenburg parou finalizações de Wilsher e Gnabry, respectivamente. Aos dez, uma sequência de cortes da defesa visitante praticamente em cima da linha evitou o tento do Arsenal, que só foi aparecer 60 segundos depois.

Aos 11 minutos, Cazorla carregou da esquerda para o meio, tocou para Giroud, que, no pivô ajeitou para Wilshere. De primeira, o meia inglês devolveu para o espanhol, que fuzilou de pé direito, sem chances para Stekelenburg. O lance animou Cazorla, que voltou a alegrar a torcida cinco minutos depois. Ele aproveitou rebote da defesa do Fulham e, de fora de área, acertou um lindo chute rasteiro no canto esquerdo do goleiro holandês. O Arsenal, enfim, decidia o jogo.

A partir daí, a equipe mandante administrou o jogo e se arriscou no ataque apenas eventualmente. Podolski chegou a acertar uma bomba na trave de Stekeleburg, mas, dadas as dificuldades encontradas ao longo de quase 60 minutos, o Arsenal preferiu se resguardar. Assim, garantiu a vitória que o impulsionou aos 51 pontos e manteve a liderança do Campeonato Inglês, ainda a um ponto de distancia do Manchester City. Os Citizens, aliás, triunfaram neste sábado com gols de Dzeko, Navas, Aguero e Yaya Touré.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade