Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Clemente quer definir saída do São Paulo até a próxima semana

São Paulo (SP)

Apenas seis meses após ser contratado, Clemente Rodríguez está muito perto de deixar o São Paulo. O experiente defensor concedeu entrevista a uma rádio argentina neste sábado e deixou claro o desejo de retornar ao país natal o mais rápido possível. Aos 31 anos, o ex-jogador do Boca Juniors tem treinado sozinho no CT da Barra Funda à espera de uma proposta.

Clemente se desligou do time xeneize após a eliminação na Copa Libertadores da América para o Newell’s Old Boys nas quartas de final. Livre para negociar, abriu negociações com o Tricolor e chegou ao Morumbi em junho para ser dono da lateral esquerda e assinou por duas temporadas. O contrato, porém, deve ser rescindido após o mau desempenho do veterano em 2013.

Até o momento, Muricy Ramalho conta apenas com Reinaldo como opção para o setor. Thiago Carleto está em fase final de recuperação de grave lesão no joelho, mas deve demorar a entrar em campo, enquanto Bruno Cortez será reemprestado após ser liberado pelo Benfica. Dessa maneira, Clemente Rodríguez fica livre para procurar um novo clube na Argentina.

“Estou fazendo a pré-temporada com o São Paulo e esperando ver o que vai acontecer. Na semana que vem haverá uma definição sobre meu futuro. Saí do Boca Juniors porque não quiseram renovar meu contrato. E eu jogaria no River e em qualquer outro clube, não teria problemas. Ganhei muitas coisas no Boca, mas estamos falando de trabalho”, revelou à Radio 9.

O nome do River Plate só foi citado por Clemente Rodríguez para explicar à equipe da rádio que atuaria até mesmo em rivais do Boca por se tratar de uma profissão. Atual campeão da Copa Sul-americana, o Lanús seria o único clube com proposta encaminhada para contar com o lateral ambidestro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade