Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Com nova vistoria marcada, Ponte espera liberar estádio nesta quarta

Campinas (SP)

A Ponte Preta conseguiu adiar sua estreia pelo Campeonato Paulista depois de não ter o estádio Moisés Lucarelli liberado para receber sua torcida neste domingo. O problema do clube campineiro, no entanto, deve ser resolvido nesta terça-feira e uma nova vistoria do Corpo de Bombeiros, marcada para esta quarta, deve, enfim, deixar o Majestoso apto para receber as partidas da Macaca.

De acordo com o clube, o único obstáculo que impediu a liberação do estádio foi uma fresta na grade de segurança da torcida logo na cabeceira do estádio, o que poderia culminar em problemas. A obra exigida pelo Corpo de Bombeiros, porém, deve ser concluída nesta terça, colocando fim ao problema deste início de temporada.

Depois de não conseguir jogar no Moisés Lucarelli neste domingo, contra o Ituano, a Ponte pretende atuar ao lado de sua torcida já na terceira rodada, que será realizada no próximo final de semana. A equipe campineira terá pela frente o recém-promovido Audax, no sábado, às 19h30 (de Brasília).

Divulgação/Ponte Preta
O vão de 30 centímetros na grade impediu a liberação neste domingo (crédito: PontePress/Gabriela Machado)
Confira a nota divulgada pelo clube:

O vão de 30 centímetros em um guarda-corpo que impediu a liberação do Majestoso para o jogo do último domingo está sendo readequado para ter 15, conforme determinação do Corpo de Bombeiros. A obra estará concluída na manhã de terça-feira (21) e uma nova inspeção do Corpo de Bombeiros deverá ocorrer na quarta.

Como o único obstáculo para a liberação do estádio era justamente o tamanho da fresta da grade, localizada na cabeceira do estádio, uma vez confirmado pela corporação que o problema foi solucionado, o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) deverá ser emitido e o Majestoso liberado já para a partida de sábado, contra o Audax.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade