Futebol/Copa do Mundo - ( )

Dilma esquece discórdias e visita sede da Fifa na próxima semana

Brasília (DF)

Mesmo com uma relação pouco harmoniosa nos últimos meses, Dilma Roussef resolveu deixar os desentendimentos de lado e aceitou o convite de Joseph Blatter para visitar à sede da Fifa, em Zurique, na Suíça, na próxima quinta-feira. A presidente também será acompanhada do Ministro do Esporte, Aldo Rebelo.

Ao longo da preparação do Brasil para receber a Copa do Mundo de 2014, o mandatário da entidade máxima do futebol mundial não poupou críticas ao país, principalmente com relação ao atraso nas obras. As declarações causaram certo constrangimento entre as duas partes, mas deve ser deixado de lado por Dilma.

A presidente do Brasil já estará na Europa para a realização do Fórum Econômico Mundial, em Davos, também na Suíça. Desta forma, Dilma Roussef vai aproveitar a viagem para debater os dois assuntos de maior preocupação no ano eleitoral: a economia e a realização da Copa do Mundo.

Joseph Blatter e Dilma Roussef, aliás, já vivenciaram um episódio constrangedor em 2013. Na abertura da Copa das Confederações, logo no início de seu discurso, a presidente foi vaiada pelo público presente no Estádio Mané Garrincha. Sendo assim, o mandatário da Fifa chegou a pedir respeito aos torcedores.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade