Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

'Encantado' com Serrinha e Claudinei, Pikachu quer jogar pelo Goiás

Goiânia (GO)

O Goiás ainda pode ter Yago Pikachu no elenco de 2014. Pelo menos essa é a vontade do jogador, segundo o empresário Demetrius Montanini, que integra um grupo com parte dos direitos do atleta. Observado pelo técnico Claudinei Oliveira desde os tempos em que o mesmo comandava o Santos, o lateral direito ainda não foi anunciado por conta de algumas dificuldades na negociação, mas sua vontade de atuar pelo time de Goiânia tem chances de prevalecer.

Demetrius negou que a proposta feita ao Paysandu seria de empréstimo e confirmou que a Suave Sports, que já detém 30% dos direitos de Pikachu, fez uma oferta para adquirir os 70% restantes. O valor, que subiu 400 mil reais desde o fim do ano passado até a última reunião, foi recusado pelo presidente do Papão, Vandick Lima.

O agente aproveitou para desmentir que a pedida salarial do jogador tenha aumentado. “O presidente, dentro daquilo que foi ofertado, nos passou um valor que seria a única forma de liberar o atleta neste momento, que é de forma definitiva. Vamos tentar ainda chegar a um número em comum e espero que isso possa prosseguir para o lado positivo”, afirmou ao portal 730, de Goiânia.

Ainda segundo ele, Yago não queria ter entrato em campo pelo Campeonato Paraense e não gostou da recusa do Paysandu. Mesmo tendo recebido propostas de clubes como Vasco e Flamengo, quer defender a equipe Esmeraldina.

“Ele me disse que a vontade dele é de ir para o Goiás. Quando eles tiveram participação na Série B de 2013, chegaram a treinar na Serrinha e ele ficou encantado. O Yago gostou também de conversar com o Claudinei Oliveira. Ficou encantado com as palavras que ouviu dele”, finalizou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade