Futebol/Campeonato Mineiro - ( - Atualizado )

Gilvan Tavares reafirma compromisso de segurar Everton Ribeiro

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O presidente Gilvan de Pinho Tavares garante que assumiu um compromisso com a torcida do Cruzeiro para segurar o meia-atacante Everton Ribeiro, e que dificilmente ele será negociado pelos valores que têm sido divulgados na imprensa. O dirigente lembra que segurou o argentino Montillo até entender que era o momento certo vender o atleta, e afirma que o mesmo será feito com o craque do último Brasileiro.

“Sou firme nisso, vocês se lembram da época do Montillo. Se não chegar aos valores que imaginamos pelo Everton, ninguém vai levá-lo. Se chegar, temos o compromisso com ele e o empresário dele, que são parceiros nos direitos. Se chegar em determinado valor, não podemos descumprir o acordo. Mas ainda está muito longe. O que saiu nos jornais não fará que vendamos o Everton” , declarou.

O Cruzeiro pagou R$ 4 milhões para tirar Everton Ribeiro do Coritiba e já recusou ofertas na casa dos 10 milhões de euros de um fundo investimento inglês, que tinha o desejo de levar o jogador para a Inglaterra. Gilvan Tavares não revela o valor pretendido para liberar o atleta, mas deixa claro que ainda está longe do ideal.

“Ainda está muito longe. Os valores oferecidos não interessam ao Cruzeiro”, disse Gilvan Tavares, que acredita que Everton Ribeiro ficará ainda mais valorizado após a Copa do Mundo, inclusive, com chances do jogador ser chamado por Felipão.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade