Futebol/Copa São Paulo de Juniores - ( - Atualizado )

Grêmio decepciona e se despede da Copinha sem nenhuma vitória

Taboão da Serra (SP)

Eliminado matematicamente da 45ª edição da Copa São Paulo de Juniores, o Grêmio tinha a missão de reconfortar o torcedor na tarde desta sexta-feira, quando enfrentou o Taboão da Serra na despedida da equipe da competição. Mas o Tricolor não foi páreo para a força do time da casa, que fez 2 a 0 com gols de Gustavo.

Com dois empates contra São Caetano e Luverdense, o Tricolor viu o Taboão da Serra, líder do grupo Q, acumular duas vitórias e garantir vaga na fase seguinte da Copinha. Como apenas os campeões das chaves e os seis melhores segundos colocados se classificam, o time gaúcho acabou eliminado ainda na segunda rodada da fase de grupos.

Com o resultado desta sexta-feira, o Grêmio se despede da Copinha com apenas dois pontos conquistados em três jogos. É válido lembrar que o Tricolor atuou com equipe mais jovem do que o limite estipulado pela competição, já que boa parte dos atletas do sub-20 trabalham em pré-temporada para defender o clube nas primeiras rodadas do Campeonato Gaúcho.

No outro jogo do grupo Q, o Luverdense precisou suar para vencer a primeira na Copinha. O time mato-grossense abriu o placar com Luis Felipe, mas permitiu a virada do São Caetano com gols de Alisson e Peo. Já nos minutos finais, o Verdão retomou a ponta do placar e venceu por 3 a 2. 

O jogo – Logo aos sete minutos, Emanuel colocou a mão na bola dentro da área gremista e o árbitro marcou o pênalti para o Taboão da Serra. Na cobrança, Gustavo acertou o canto direito e abriu o placar para o time da casa.

Com a vantagem no marcador e a classificação garantida para a fase seguinte, o time da casa trabalhou a bola com tranquilidade na primeira metade da etapa inicial. O Tricolor Imortal levou perigo aos 30 minutos, quando Wallace arriscou chute da intermediária para boa defesa do goleiro Rogério.

Aos 35 minutos, o Grêmio teve a chance de empatar o jogo quando o goleiro do CATS ficou com a bola por mais de seis segundos, mas a falta em dois lances foi desperdiçada. Comprovando o ditado mais antigo do futebol, o Tricolor não fez e, na sequência, tomou: em forte chute de fora da área, o centroavante Gustavo encobriu o goleiro Léo e marcou seu segundo gol na partida, chegando inclusive à artilharia da competição.

Na segunda etapa, o jogo perdeu em emoção muito por conta do mau estado da grama sintética do estádio Vereador José Ferez, em Taboão da Serra. À frente do placar, o time da casa ficou também em vantagem numérica a partir dos 18 minutos do segundo tempo, quando o atacante Tilica foi expulso após entrada violenta em Gabriel.

Aos 31 minutos, o atacante Léo Cotia avançou e chutou forte, mas o goleiro gremista fez a defesa. O atleta teve nova oportunidade três minutos depois, ao receber dentro da área, mas bateu torto, à esquerda do gol adversário.

Abatido, o Grêmio mostrou pouca resistência em seus últimos minutos nesta edição da Copinha e viu o CATS tocar a bola e administrar a vantagem. O torcedor do time da casa inclusive chegou a gritar olé, festejando a terceira vitória seguida no torneio.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade