Futebol/Campeonato Italiano - ( - Atualizado )

Hernanes sai do banco, faz golaço, e Lazio bate Udinese com um a menos

Údine (Itália)

Hernanes comprovou que não pode ser reserva da Lazio. Neste domingo, o brasileiro começou o duelo diante da Udinese, fora de casa, no banco de suplentes e de lá saiu para liderar a virada da equipe da capital por 3 a 2, em jogo válido pela 20ª rodada do Campeonato Italiano. O detalhe é que, quando o brasileiro entrou em campo, a Lazio era derrotada por 1 a 0 e tinha apenas dez jogadores em campo – Onazi havia sido expulso no início da segunda etapa.

O brasileiro, aliás, mudou os rumos da partida assim que pisou no gramado. Isto porque a Udinense vencia o confronto desde os seis minutos do primeiro tempo, quando Antonio Di Natale converteu pênalti sofrido pelo também atleta canarinho, Maicosuel, e não corria riscos na defesa. A Lazio chegava ao gol adversário somente através de chutes de longa distância, que levavam pouco perigo a Brkic.

Aos nove minutos do segundo tempo, quando Onazi foi expulso e deixou o time romano com um jogador a menos, a expectativa era de que a partida estivesse decidida. E foi aí que apareceu Hernanes. Edoardo Reja tirou o brasileiro do banco de reservas e o mandou a campo para mudar o jogo. Logo em um de seus primeiros lances, aos 16 minutos, ele acertou grande passe para Klose sofrer pênalti. Candreva cobrou com perfeição e empatou o jogo.

Divulgação
Homem de confiança de Luiz Felipe Scolari, Hernanes decidiu o jogo para a Lazio neste domingo, diante da Udinese

A Lazio, no entanto, não teve nem tempo de comemorar e, cinco minutos mais tarde, voltou a ficar atrás no marcador. Maicosuel, novamente, ajeitou de cabeça para Badu, que, da entrada da área, matou a bola no peito e acertou um petardo, de primeira, no ângulo esquerdo da meta adversária.

A nova vantagem no placar, somada ao jogador a mais em campo, fez com que a Udinese recuasse e aguardasse a Lazio no campo de defesa. Aos 29 minutos, o goleiro Brkic soltou bola após cruzamento da esquerda, e Hernanes por pouco não marcou. Ele chutou com força, mas a bola desviou na zaga e saiu por escanteio. Aos 37, porém, em lance quase idêntico a este, o arqueiro acertou Lazzari, que empurrou para o próprio patrimônio, empatando o confronto.

O resultado, então, parecida definido e bom para a Lazio, quando Hernanes chamou a responsabilidade. A um minuto do fim do tempo regulamentar, o brasileiro recebeu na meia direita e fez a sua jogada característica. Com classe, pedalou com a perna direita, levou a bola à canhota e fuzilou no canto esquerdo de Brkic. O goleiro saltou, mas não alcançou. Segundos depois, o volante da Seleção Brasileira também saltou, mas para dar um mortal e comemorar o gol, que tem tudo para devolvê-lo à titularidade nas próximas partidas.

A heroica vitória por 3 a 2 levou a Lazio à sétima colocação do Campeonato Italiano, agora com 27 pontos, cinco a menos que a Internazionale, primeira equipe dentro da zona de classificação para a Liga Europa. A Udinese, por sua vez, estacionou nos 20 pontos e segue muito ameaçada pela zona de rebaixamento. Na próxima rodada, domingo, o time da capital pega a líder Juventus, dentro de casa, enquanto a equipe de Udine visita o Parma.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade