Futebol/Campeonato Gaúcho - ( - Atualizado )

Índio ressalta orgulho por iniciar mais um Gauchão com vitória

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

A partida desta quarta-feira teve um significado especial para o zagueiro Índio. Prestes a completar 39 anos, o defensor iniciou seu décimo Gauchão pelo Internacional, e com uma vitória por 2 a 1 sobre o São Paulo-RS. Nomeado capitão do time pelo técnico Abel Braga, o veterano ressaltou seu orgulho por chegar a uma dezena de estaduais disputados pela equipe rubra.

“Hoje, na roda, eu falei o quanto estava orgulhoso de estar no meio deles, indo para o meu décimo Gauchão. Fico ainda mais feliz por ter contribuído com uma vitória para o Inter”, comemorou o defensor. Seu companheiro de zaga, Ernando, também festejou sua estreia pelo clube com resultado positivo: “aos poucos a gente vai se conhecendo, a zaga, os laterais, o estilo do Abel, que era diferente do que eu jogava no Goiás. Foi uma boa estreia: fizemos uma boa partida e conseguimos a vitória”.

O atacante Eduardo Sasha, que também disputou o último Brasileirão pelo Goiás, comemorou seu retorno ao Inter com gol. Aos 20 do segundo tempo, ele aparou de cabeça um cruzamento perfeito de Raphinha: “a gente sempre procura fazer gols. Voltar assim ao clube é melhor ainda”, disse Sasha, revelado em 2010 pelo Inter – o atacante chegou a integrar o elenco que disputou o Mundial de Clubes daquele ano pelo Colorado.

O próximo jogo do Inter no estadual será domingo, contra o Cruzeiro-RS. A partida ocorrerá novamente no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, e marcará a estreia dos titulares na temporada. A equipe tem 100% de aproveitamento no estadual, com quatro vitórias em quatro jogos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade