Futebol/Bastidores - ( )

Juninho volta a trabalhar com bola e mostra otimismo em recuperação

Pinheiral (RJ)

Depois de ameaçar se aposentar no final da temporada 2014, o meia Juninho Pernambucano voltou a trabalhar com bola neste final de semana. O jogador se juntou ao elenco do Vasco que faz pré-temporada em Pinheiral, no interior do Rio de Janeiro, e mostrou otimismo com relação a sua recuperação. Longe dos gramados por causa de um edema na coxa, o ídolo vascaíno pretende retornar o mais rápido possível.

“Pelo exame, a contusão não deixou nenhum traço de edema, e é motivante bater na bola. Claro que preciso trabalhar a força, a musculatura. Estou na fase de reinício, mas fico mais feliz de treinar com bola do que ficar correndo somente ao redor do campo”, explicou o jogador do Vasco.

Com relação ao possível retorno, Juninho prefere manter a cautela. O jogador está ciente de que a recuperação pode ser lenta e ainda precisa fazer um fortalecimento muscular. O projeto do meia é realizar o meio número de treinos coletivos possíveis e assim ganhar confiança para estar á disposição de Adílson.

“A previsão é que eu fique pelo menos um mês treinando para recuperar a força. Foi uma contusão séria. E a tendência é que a partir de um mês eu possa fazer treinos coletivos e ficar à disposição do Adilson. Estou tendo uma certa dificuldade, mas está sendo prazeroso estar aqui com o grupo, que ficou bem mais jovem esse ano”, revelou Juninho.

Ídolo da torcida vascaína, o ‘Reizinho’ de São Januário terminou a temporada 2013 em baixa. Com a contusão e o afastamento dos gramados, o jogador cogitou a possibilidade de se aposentar, mas decidiu mudar de ideia. Após conversas com representantes do Vasco, Juninho definiu que voltaria.

“Mudei de ideia na reta final. Conversei com o Rodrigo, e ele me pediu para começar a pré-temporada para ver se dá tudo certo. Fazendo essa pré-temporada eu vou ter ideia se vou poder voltar a jogar em alto nível, mas o importante foi sentir que o clube queria que eu voltasse e me deu a oportunidade de fazer o que eu gosto com quase 39 anos. Vou tentar aproveitar esse período”, concluiu o meia.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade