Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Kardec “inicia do zero” e descarta relaxamento após bom desempenho

Luiz Ricardo Fini Itu (SP)

O atacante Alan Kardec chegou ao Palmeiras em julho do ano passado e logo conquistou a confiança da torcida, com 14 gols pelo clube. Apesar de ser titular absoluto na equipe de Gilson Kleina, o jogador alega que não se sente dono do posto e afirma que precisa provar novamente em 2014.

“Nunca me senti à vontade, sempre vou trabalhar cada dia mais. Eu me sinto incomodado, porque com os jogadores de qualidade você vai ter que trabalhar mais, nunca vou relaxar. A briga vai ser boa e sadia, em um grupo tranquilo, com uma amizade muito boa. O que acontecer vai ser de melhor para o Palmeiras”, afirmou.

Como tem contrato apenas até o meio do ano, já que está emprestado pelo Benfica, o atacante prefere não estipular uma meta de gols para a temporada, manifestando desejo de renovar seu vínculo.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Alan Kardec marcou 14 gols na temporada passada, mas entende que precisa mostrar mais em 2014
“Não penso em um número exato (de gols), porque meu contrato vai até o meio do ano e tenho vontade de estendê-lo. Vamos com uma coisa de cada vez. O que fiz no ano passado ajudou, mas tenho de pensar agora do zero, com força total para fazer novas coisas boas também”, acrescentou.

Neste ano, além da manutenção de seu parceiro Leandro, Kardec também ganhou a concorrência de Diogo, com quem jogou na época do Santos. “Já tinha atuado com ele em outra equipe e tudo que chega é para somar”, completou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade