Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Mancando e usando muletas, Neymar recebe apoio de Messi

Barcelona (Espanha)

Um dos destaques do Barcelona nesta temporada, o atacante Neymar precisará ficar afastado dos gramados depois de sofrer entorse no tornozelo direito durante o triunfo por 2 a 0 sobre o Getafe, nesta quinta-feira, no estádio Coliseum Alfonso Pérez, em partida válida pela Copa do Rei. Recém recuperado de problemas físicos e principal jogador da equipe catalã, Lionel Messi mostrou apoio ao atleta brasileiro.

“Tomara que não tenha acontecido nada grave com Neymar e que não permaneça fora por muito tempo, pois precisamos dele em nosso time”, afirmou o camisa 10.

Após o confronto na capital da Espanha, o elenco do Barcelona ficou hospedado em um hotel durante a noite e embarcou rumo ao território catalão na manhã desta sexta-feira. Ainda mancando e utilizando muletas, Neymar mostrou grandes dificuldades para andar e precisou receber ajuda para subir no avião. Caso não haja surpresas, o brasileiro ficará afastado por três semanas.

Messi, por sua vez, influenciou diretamente no resultado final ao marcar os dois gols da vitória por 2 a 0 do time blaugraná. Em campo durante todo o confronto, o jogador argentino, que não atuava por 90 minutos desde o último dia 6 de novembro, celebrou seu desempenho e exaltou seu condicionamento físico.

“Eu precisava ganhar ritmo de jogo e, depois da goleada por 4 a 0 no duelo de ida, essa era uma ótima oportunidade de permanecer no gramado por 90 minutos”, completou. “Estou me sentindo muito bem. Preciso jogar e aproveitei todos os minutos que tive contra o Getafe,” encerrou.

O Barcelona volta a entrar em campo neste domingo, às 16 horas (de Brasília), quando mede forças com Levante, no estádio Ciudad de Valencia, em partida válida pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol. A equipe comandada pelo treinador Gerardo Martina lidera a competição, com 50 pontos, seguida por Atlético de Madrid (50 pontos) e Real Madrid (47 pontos).

AFP
Com lesão no tornozelo direito, Neymar precisou de ajuda para deixar o gramado nesta quinta-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade