Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Muricy dá bronca em time por erros atrás e busca segurança defensiva

Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

Nos vestiários do Morumbi, pouco depois da vitória por 6 a 3 sobre o Rio Claro, Muricy Ramalho minimizou os gols sofridos pelo São Paulo naquela partida de quarta-feira. Porém, o treinador não deixou o elenco passar sem uma bronca. Nesta sexta, em meio à preparação para o clássico contra o Palmeiras, o treinador reconheceu que alertou o time sobre os erros atrás.

“Tomamos três gols que não podemos, isso não é time de futebol. Se for mérito do adversário, está perfeito, não tenho reclamação, mas nos três que sofremos a bola estava com a gente. Isso não é perfil de time consistente. Não se pode errar desse jeito e chamei a atenção deles, conversamos sobre isso”, afirmou.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Muricy Ramalho não gostou da forma como os gols do Rio Claro saíram e já conversou com o elenco
Na quarta, o São Paulo abriu vantagem tranquila diante do Rio Claro, mas, com a partida controlada, viu o time do interior descontar em gol contra de Álvaro Pereira. Já no terceiro dos visitantes, Rogério Ceni falhou na saída de bola, Rodrigo Caio perdeu a disputa e, por fim, Wellington furou feio dentro da área.

“Um time tem de ter segurança, criatividade e finalização. Ainda estamos pecando um pouco na segurança, ou seja, não temos um time equilibrado. Não é aceitável tomar gol da forma que sofremos”, acrescentou.

Mesmo assim, Muricy não promoverá mudanças no sistema defensivo para o clássico contra o Palmeiras. A única dúvida na escalação está na armação das jogadas, já que Ganso se recupera de dores no joelho esquerdo e virou dúvida.

O treinador sequer terá muito tempo para ajustar a equipe. Depois do jogo de quarta, os titulares fizeram apenas trabalhos de recuperação, sem qualquer atividade tática. O único treino de posicionamento deve ser realizado na manhã de sábado, no CT da Barra Funda.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade