Futebol/Copa São Paulo de Juniores - ( - Atualizado )

Na bola parada, Corinthians vence Fluminense e pega Santos na final

Limeira (SP)

O Corinthians se aproveitou muito bem da bola parada nesta terça-feira para superar o Fluminense na semifinal da Copa São Paulo de Juniores por 2 a 1 e se classificar para a final da competição.

Os dois gols foram marcados na segunda etapa. Primeiro, aos 12 minutos, Guilherme Arana fez no rebote de cobrança de falta. Depois, aos 19, Pedro fez de cabeça após cobrança de escanteio. Euller descontou para o Flu.

Agora, na decisão da Copa São Paulo, o Corinthians faz clássico com o Santos. O duelo será realizado no próximo sábado, 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, no Estádio do Pacaembu.

O jogo - O duelo começou eletrizante, principalmente por parte do Corinthians. Antes do cronômetro marcar o primeiro minuto, Zé Paulo cruzou fechado e acertou o travessão, chegando perto de inaugurar o placar.

Ao invés de energizar as equipes, o lance ocasional parece tê-las assustado, uma vez que elas passaram a ser mais cautelosas, se arriscando muito pouco no ataque e criando poucas chances de gol.

O segundo tempo foi mais movimentado. Aos 12 minutos, Zé Paulo bateu falta com muita força, o goleiro Matheus não segurou e Guilherme Arana completou para as redes, no rebote.

Dois minutos depois, o Flu teve a chance de empatar. Luiz Fernando tabelou com Euller e recebeu na frente do goleiro, com espaço para fazer o arremate. Ele chutou em cima de Henrique.

Divulgação/Facebook
O Corinthians encara o Santos na final da Copa São Paulo de Juniores, após vencer o Fluminense por 2 a 1
Aos 19 minutos, Maicon bateu escanteio da direita e o zagueiro Pedro subiu de cabeça para fazer o segundo do Corinthians.

Quando o confronto se desenhava com um final tranquilo para os paulistas, Euller pôs fogo no jogo. Lançado por Lucas, o atacante disparou em velocidade e soltou um tirambaço de esquerda, no ângulo de Henrique, diminuindo a vantagem alvinegra.

Os tricolores ensaiaram uma pressão, mas ameaçaram pouco o sólido sistema defensivo do Corinthians, que foi eficiente em administrar o resultado.

O triunfo põe o Corinthians em sua 16ª final da competição. Com oito títulos, o time da capital paulista é o maior campeão do torneio sub-20.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade