Futebol/Campeonato Mineiro - ( - Atualizado )

Obina aprova estreia pelo América-MG e prevê evolução com sequência

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O atacante Obina chegou ao América-MG no início do ano como a contratação de maior impacto do clube para a temporada e logo no primeiro jogo, o jogador mostrou que pode ser o protagonista do Coelho em 2014. Mesmo sem ter a forma física ideal, Obina marcou o gol americano no empate contra o Tupi e ainda sofreu e desperdiçou um pênalti.

“Sempre é bom estrear fazendo gol. Acabei errando o pênalti, mas deixei sempre claro que estava vindo para ajudar a equipe. O jogo foi muito difícil, mas falei para os companheiros que eles não precisam ter medo de dar a bola para mim. E numa grande jogada do Girotto, só coloquei a cabeça na bola e fiz o gol. Temos que premiar a força de vontade dele, que foi à linha de fundo e me deu a bola. É isso aí, a força do conjunto, com um ajudando ao outro em campo em busca de boa campanha no campeonato”, declarou.

Por ter sido jogo de estreia, Obina considera normal um pouco mais de dificuldade em campo. O jogador, porém, promete muito trabalho e garante que vai se dedicar ao máximo aos jogos para ajudar o América-MG a conquistar os objetivos da temporada, que incluem o título Mineiro e o acesso para a elite do futebol nacional.

“Papai do Céu me abençoou. Eu queria ter feito mais, mas infelizmente, não deu. Temos que seguir treinando, trabalhando muito, para pegarmos ritmo na competição. Qual o time grande que não teve dificuldade na estreia? Está sendo difícil e complicado para todo mundo. Esse é foi apenas nosso primeiro jogo e vamos melhorar na sequência”, garantiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade