Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Preocupado, Dal Pozzo enxerga defesa da Chape "fora dos padrões"

Chapecó (SC)

No ano em que irá disputar, pela primeira vez, o Campeonato Brasileiro da Série A, a Chapecoense não empolga seus torcedores. No Catarinense, em dois jogos, o Verdão do Oeste tropeçou, com um retrospecto de uma derrota, diante do Juventus de Jaraguá do Sul, e um empate, contra o Marcílio Dias, em Chapecó. A ausência das boas atuações na Segunda Divisão Nacional, onde ficou com o vice-campeonato, foram sentidas pelos torcedores, que vaiaram os comandados de Gilmar dal Pozzo nesta quarta-feira, após a igualdade com o Marinheiro, na Arena Condá.

Após o apito final, Dal Pozzo se mostrou insatisfeito com seu setor defensivo, que fora o principal trunfo da Chapecoense na temporada passada: “O que está fora dos padrões, no meu entender, são os gols que estamos tomando. Ano passado era um setor consolidado. Fomos uma das melhores defesas da Série B e no Campeonato Catarinense. Porém, em 2014, já em dois jogos, contra equipes consideradas menores, já tomamos quatro gols em duas partidas”, ressaltou o técnico.

Adiante, o treinador recordou as atuações do Verdão do Oeste na última Série B, exaltando as boas atuações de sua defesa: “Na Segunda Divisão nós enfrentamos times maiores e não deixávamos eles jogarem. Lembro de vários jogos que fizemos fora de casa e conseguimos o resultado. Porém, hoje, no futebol, não há mais equipes inferiores. O Guilherme Macúglia (técnico do Marcílio Dias) conhece muito o Campeonato Catarinense. O primeiro gol já comprometeu o resultado e o segundo nos tirou a confiança”, admitiu.

O próximo desafio da Chapecoense no Campeonato Catarinense será neste domingo, às 17 horas (de Brasília), diante do Joinville, fora de seus domínios, na Arena JEC. O embate é válido pela terceira rodada do estadual.

Divulgação
Dal Pozzo lamentou os gols sofridos pela Chape no Catarinense (Foto: Aguante Comunicação/Chapecoense)

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade