Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Sem Jucilei, São Paulo conta com Rhodolfo para tirar Souza do Grêmio

Helder Júnior São Paulo (SP)

O São Paulo desistiu oficialmente da contratação do volante Jucilei, que está próximo de anunciar a sua transferência do russo Anzhi Makhachkala para o Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos. Dessa forma, o clube do Morumbi passou a concentrar ainda mais os seus esforços para qualificar o meio-campo com Souza, do Grêmio.

Só com o lateral direito Luis Ricardo (vindo da Portuguesa) contratado até então, a diretoria do São Paulo tinha em Jucilei uma de suas esperanças para melhorar o elenco que lutou contra o rebaixamento no último Campeonato Brasileiro. Mas esbarrou nos valores da transação.

Para satisfazer o Anzhi e vencer a concorrência do Corinthians e do inglês Fulham, o São Paulo esperava encontrar um investidor interessado no negócio ou até parcelar o pagamento. O Al Jazira, contudo, deixou para trás a concorrência com uma oferta de cerca de € 6 milhões (mais de R$ 19 milhões) por Jucilei, seduzido pela boa remuneração que terá no Oriente Médio.

Divulgação/Grêmio
O zagueiro Rhodolfo é o trunfo do São Paulo, que desistiu de Jucilei, para tirar o volante Souza do Grêmio
O São Paulo tem um trunfo para que a negociação por Souza não fracasse também: Rhodolfo. O zagueiro está emprestado ao Grêmio até a metade do ano e agradou ao clube gaúcho, cujo compromisso com o volante pretendido pelos paulistas findará apenas em 2017.

A ideia da diretoria do São Paulo é convencer o Grêmio de que Rhodolfo tem mercado no exterior – em caso de proposta, ele poderá acabar liberado. Os direitos econômicos do jogador, que interessa ainda ao Fluminense do ex-comandante Renato Gaúcho, foram estipulados em € 5 milhões (mais de R$ 16 milhões), sendo que 50% pertencem ao Atlético-PR.

O Grêmio poderá tentar colocar outro jogador do São Paulo na negociação, como Osvaldo. Segundo João Paulo de Jesus Lopes, vice-presidente de futebol do Tricolor paulista, o atacante só foi procurado por outro gaúcho, o Internacional, até o momento.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade