Futebol/Mercado - ( )

Sem oportunidades, Rodrigo Biro não deve jogar pela Ponte Preta

Campinas (SP)

Rodrigo Biro acaba de retornar à Ponte Preta, mas não deve permanecer no clube para a disputa do Campeonato Paulista. O lateral-esquerdo estava emprestado ao Atlético-PR, no entanto, lá não chegou nem a entrar em campo. O jogador está perto de acertar sua ida para o Penapolense, equipe em que se destacou no início de 2013.

Sem ter se firmado no time de Campinas, o lateral de 27 anos foi para o Furacão junto com o volante Bruno Silva, em troca do meia Elias. O companheiro de empréstimo tem chances de permanecer no rubro-negro e disputar a Libertadores da América do ano que vem.

Se concretizada a negociação com o Penapolense, Biro só retornará à Macaca no segundo semestre de 2014, para disputar a Série B do Campeonato Brasileiro. Outro lateral que, possivelmente, não fica é Uendel, cotado no Corinthians. Pela direita, o técnico Sidney Moraes indicou Neílson, do Icasa. A diretoria negocia a contratação do jogador.

Pendências – Antes de resolver a situação de Rodrigo Biro, a Ponte Preta tem algumas pendências para sanar. O volante Bruno Silva e os atacantes Alemão e Everton Santos estavam emprestados, respectivamente, para Atlético-PR, Vitória e Figueirense. Os clubes têm a prioridade na compra, mas ainda não se manifestaram.

Certeza apenas para o retorno do atacante Rossi, que estava no Mogi Mirim. Junto com ele, o restante do elenco se reapresenta nesta quinta-feira, para o primeiro dia de trabalho de Sidney Moraes. A Macaca estreia no Campeonato Paulista diante do Ituano, às 17h (de Brasília), no Moisés Lucarelli, em Campinas.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade