Futebol/Campeonato Paranaense - ( - Atualizado )

Time B do Coxa estreia com derrota diante do Maringá

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

Com um time B em campo, o Coritiba foi ao interior paranaense para sua estreia no Campeonato Paranaense 2014 e caiu diante do Maringá, que fez sua primeira partida na primeira divisão, por 2 a 1, no Estádio Regional Willie Davids. A equipe do norte do Estado pressionou a maior parte do tempo, aproveitando a falta de ritmo do Coxa.

Depois de pressionar por toda a primeira etapa sem balançar as redes, os donos da casa precisaram de dois minutos após o intervalo para abrir o placar, com Fabiano, que aproveitou confusão na área para desviar para o gol. Aos 25 minutos, Maykon recebeu na área para deixar tudo igual. Mas, Leandrinho, aos 35 minutos decretou a vitória.

Na próxima rodada, o Maringá encara o Paraná Clube, quinta-feira, na Vila Capanema. Já o Coritiba terá pela frente o Arapongas, quarta-feira, no Estádio Municipal José Chiappin, em Arapongas.

O jogo – O time da casa, empurrado pelo torcedor, tentava impor seu ritmo. Logo no primeiro minuto, Reginaldo fez a jogada e, no momento do arremate, foi travado por Rhuan. Na sequência, Max arriscou o tiro de longe e William fez boa defesa. A reposta coxa-branca veio aos seis minutos, com Thiago Primão, que invadiu a área, mas cruzou para ninguém. Mas o Maringá era mais contundente e, aos 10 minutos, Zé Leandro disparou o tiro para ótima intervenção de William.

A equipe do norte paranaense estava bem postada em campo e dominava as ações, mesmo com o calor castigando os jogadores. Aos 15 minutos, levantamento na área alviverde e Barcos testou pela linha de fundo. O Coritiba não se encontrava em campo, sentindo a falta de ritmo e entrosamento. Aos 20 minutos, Léo Maringá acertou um belo chute cruzado e William saltou para espalmar e afastar da área.

Mais pressão do Maringá, aos 31 minutos, com cruzamento rasteiro na área que William saiu para dividir com Felipe e ficar com a bola. Gabriel Barcos recebeu lançamento na medida de Max, aos 33 minutos, e arrematou para mais uma defesa de William. O camisa 1 coxa-branca tinha trabalho e, aos 39 minutos, segurou em dois tempos um petardo de Felipe. O técnico Claudemir Sturion precisou queimar a primeira mudança por conta de uma lesão de Felipe. Pequi foi para o jogo.

Para a etapa final, nenhuma modificação. Com a bola rolando, o time da casa continuou na pressão e, aos dois minutos, após cobrança de escanteio, confusão na área alviverde e a bola sobrou na pequena área para Fabiano que, no chão, conseguiu desviar para o fundo das redes. O Coxa quase conseguiu responder, aos sete minutos, em jogada de Keirrison que sobrou para Zé Rafael chutar em cima da defesa.

O Maringá estava mais próximo do segundo. Aos 13 minutos, Max fez a jogada e levantou para Barcos, que entrou em impedimento. Sem muitas opções, Thiago Primão arriscou de longe, aos 15 minutos, sem direção alguma. Lançamento para Pequi, aos 17 minutos, e William deixou a meta pra dominar o lance. O Alviverde melhorou e equilibrou as ações.

Contra-ataque em velocidade para o time do interior, aos 23 minutos, Reginaldo recebeu em velocidade e bateu na rede, pelo lado de fora. Porém, na resposta, Anderson Costa encontrou Maykon na área o atacante não perdoou, fuzilando para ao fundo das redes. Mas, em vacilo do sistema defensivo alviverde, aos 35 minutos, a bola sobrou para Leandrinho, que com o gol aberto só teve o trabalho de tocar para o fundo das redes. Aos 45 minutos, Reginaldo teve mais uma chance no contra-ataque, mas parou em Bonfim.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade