Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Torcedor, Bruno acha fantástico jogar no centenário do Palmeiras

São Paulo (SP)

Ao renovar com o Palmeiras por duas temporadas, Bruno garantiu sua participação no elenco que defenderá o clube no ano de seu centenário. E fez questão de ressaltar que executará essa condição como o torcedor fanático que sempre mostrou ser, lembrando os anos das principais conquistas da história da equipe.

“Essa emoção de ser torcedor e ainda poder jogar pelo clube é muito gostosa e todos deveriam sentir. É fantástico jogar no ano do centenário, ainda mais em um dos maiores clubes do Brasil e do mundo. Também voltaremos para a nossa casa, a nossa arena, que faz bastante falta. Tenho certeza de que será um ano muito bom”, apostou, lembrando a provável reinauguração do Palestra Itália após quase quatro anos de reforma.

O jogador, que completará 30 anos em junho e tem 91 partidas como profissional, está no clube desde 1997. Com o fim de seu vínculo na última terça-feira, conta que fez de tudo para permanecer no local de trabalho que considera um lar.

“Com tanto tempo de casa, o meu objetivo sempre foi ficar. Sempre dei prioridade ao Palmeiras. Fico feliz por continuar no lugar que é a minha casa, ainda mais no centenário”, afirmou, garantindo que pode superar Fernando Prass e ser titular nesta histórica temporada.

“O Palmeiras está bem servido, sempre esteve. Eu renovei o contrato para brigar, quero jogar, mas claro que sempre respeitando. Tenho uma amizade muito grande com o Prass, apesar do pouco tempo de convivência. O Fábio é um menino bom que conheço há muito tempo, é um irmão para mim. Tem o Vinícius também, um excelente goleiro e que tem um futuro promissor”, apontou.

Fernando Dantas/Gazeta Press
No Palmeiras desde 1997, o goleiro, que fará 30 anos em junho, confia que pode ser titular nesta temporada

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade