Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

West Bromwich perde patrocinador devido ao gesto polêmico de Anelka

West Bromwich (Inglaterra)

No último dia 8 de dezembro, o experiente atacante Nicolas Anelka fez gesto polêmico ao balançar as redes pelo West Bromwich no empate em 3 a 3 com o West Ham. Considerada de viés político, a comemoração custou ao clube do francês o principal patrocinador.

Na ocasião, o jogador colocou a mão esquerda sobre o ombro direito de modo semelhante a um gesto antissemita criado na França pelo comediante francês Dieudonné M’Bala, chamado de quenelle. O veterano francês, no entanto, negou que tivesse intenção de ofender alguém com a atitude, mas a patrocinadora optou por findar o vínculo com o clube inglês.

"A Zoopla reavaliou sua posição nas últimas semanas após o gesto de Nicolas Anelka e decidiu focar em outras atividades de marketing ao final da temporada", explicou a empresa de classificados online em um comunicado, confirmando que não seguirá patrocinando o West Bromwich.

De acordo com a imprensa britânica, a Zoopla, que tem entre seus proprietários o empresário judeu Alex Chesterman, havia firmado contrato de 3 milhões de libras (cerca de R$ 11,6 milhões) para expor seu nome na camisa do WBA por dois anos.

Além da sanção da patrocinadora, o clube ainda pode perder o próprio Anelka em cinco partidas, já que o atacante corre o risco de ser punido pela Federação Inglesa por discriminação. O francês vem sendo titular da equipe, inclusive na última partida contra o Everton, na qual a marca da Zoopla ainda aparecia na camisa.

AFP
Francês marcou dois gols sobre o West Ham, mas sua comemoração acabou virando alvo de críticas

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade