Futebol/Copa do Rei - ( - Atualizado )

Barcelona cede empate à Real Sociedad, mas avança à decisão

San Sebastián (Espanha)

A Copa do Rei será decidida pelos dois maiores clubes do futebol espanhol. Nesta quarta-feira, um dia após o Real Madrid se garantir na final com uma vitória por 2 a 0 sobre o Atlético de Madrid, o Barcelona empatou por 1 a 1 com a Real Sociedad fora de casa e também confirmou a sua classificação. O gol catalão foi anotado pelo argentino Lionel Messi, em grande jogada individual no primeiro tempo. No segundo, o francês Antoine Griezzmann igualou para os bascos.

Apesar de ser visitante e de já ter conquistado uma vantagem no jogo de ida (ganhou por 2 a 0 no Camp Nou), o Barcelona não fugiu às suas tradições e também atacou no Estádio Anoeta. Aos 26 minutos, abriu o placar. Messi aproveitou um domínio errado do jogador da Real Sociedad, arrancou em velocidade desde o meio-campo e chutou cruzado quando chegou à entrada da área. O goleiro Zubikarai ainda tocou na bola, mas não evitou o gol.

A Real Sociedad tentou controlar o abatimento após a grande jogada de Messi. E criou uma boa chance para empatar a partida antes do intervalo. Aos 35 minutos, o mexicano Carlos Vela recebeu cruzamento de Zaldúa e finalizou. O lateral direito brasileiro Daniel Alves, no entanto, apareceu para salvar o Barcelona.

AFP
Messi marcou o gol do Barcelona em uma jogada individual (foto: Ander Gillenea/AFP)
O susto não tirou a tranquilidade do time catalão. Daniel Alves, por exemplo, encantou a torcida visitante com uma bela troca de passes com Pedro, com direito a toque de calcanhar. O cenário seguia propício para o Barcelona jogar ao seu estilo, com muita posse de bola, em San Sebastián.

No segundo tempo, a Real Sociedad tinha a expectativa de suportar o poderio catalão e surpreender com contra-ataques rápidos, para ao menos impedir uma derrota em seus domínios. Aos oito minutos, Iniesta quase deixou a missão ainda mais complicada, ao tabelar com Messi e arriscar a conclusão. A bola passou perto da meta.

A Real Sociedad respondeu com mais contundência, logo em seguida. Jogador mais perigoso de sua equipe, Vela protagonizou bom lance pela direita e bateu colocado. Acertou o travessão.

A disposição da Real Sociedad, contudo, continuava insuficiente para incomodar o Barcelona. Fazendo a bola rodar como o ponteiro de um relógio, os comandados de Tata Martino deixavam o tempo passar com aquela tradicional sequência de passes curtos antes de sacramentar a classificação à final da Copa do Rei.

Mas a Real Sociedad, embora já parecesse resignada nos minutos finais, conseguiu chegar ao empate. Aos 41 minutos, o uruguaio Chori Castro recebeu lançamento de Sergio Canales e cruzou. Griezzmann, no meio da área, concluiu com precisão e permitiu que os torcedores do seu time, mesmo com a eliminação, cantassem alegremente nas arquibancadas do Anoeta.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade