Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Com dois a mais, Penapolense sofre, mas fura defesa do Bernô no fim

Penápolis (SP)

Antes do duelo entre Penapolense e São Bernardo, nesta quinta-feira, a equipe do ABC falava em manter a consistência que fez dela a melhor defesa nas primeiras cinco rodadas do Campeonato Paulista para sair com a vitória. Com dois jogadores a menos, o Bernô chegou perto de sair do Estádio Municipal Tenente Carriço com um ponto na bagagem, mas acabou sofrendo um gol nos minutos finais e aumentou para três o número de partidas sem marcar ou vencer no estadual.

O tento salvador dos donos da casa foi anotado por Douglas Tanque, aos 41 minutos do segundo tempo. O jogador foi aposta do técnico Narciso na volta do intervalo, quando o Penapolense já tinha um atleta a mais em campo – Daniel Pereira foi expulso aos 30 minutos de jogo. Fernando Lombardi, aos 20 da etapa final, também recebeu o vermelho e aumentou a vantagem numérica da equipe de Penápolis.

Com o resultado, o time vai a nove pontos e assume a vice-liderança do Grupo A, três atrás do São Paulo e um acima do Linense. Já o Bernô segue em segundo no Grupo C, com dez, mas vê a Ponte Preta diminuir a diferença para apenas um ponto, mesmo com um jogo a menos.

Na próxima rodada, o São Bernardo volta ao estádio Primeiro de Maio para tentar encerrar a série negativa contra o desesperado Atlético Sorocaba, que ainda não venceu no Paulistão. Já o Penapolense vai a Jundiaí encarar o Paulista, outra única equipe que ainda não comemorou no estadual.

O jogo – Após um início movimentado, mas com poucas chances claras de gol, as duas equipes passaram a errar muitos passes e o jogo ficou monótono em Penápolis. Aos poucos, no entanto, o time da casa melhorou e passou a atuar mais no campo de ataque.

Aos 18, Rodnei cruzou e a bola bateu no braço de Rafael Cruz dentro da área. Os jogadores e a torcida do Penapolense reclamaram muito, mas o árbitro Luiz Vanderlei Martinucho não viu intenção no toque e mandou o jogo seguir.

Dez minutos depois, Alexandro arriscou bicicleta da entrada da área e assustou o goleiro Wilson Júnior. No lance seguinte, o atacante foi derrubado por Daniel Pereira. O volante, que já tinha cartão amarelo, acabou expulso e deixou o São Bernardo com um jogador a menos.

Em desvantagem numérica, a equipe do ABC teve grande chance de abrir o placar cinco minutos depois. Em contra-ataque bem armado, Márcio Diogo recebeu livre e tentou driblar Samuel Pires, mas acabou bloqueado pelo goleiro.

A partir daí, só deu Penapolense. Aproveitando o intervalo, o técnico Narciso tirou o zagueiro Rodnei, que já tinha cartão amarelo, e reforçou o ataque com Douglas Tanque. A alteração deixou a equipe com mais volume de jogo, mas a forte marcação do São Bernardo impedia lances de perigo.

Aos 20 minutos, o que já estava difícil ficou ainda mais complicado para o Bernô. Após receber cotovelada e abrir o supercílio, o zagueiro Fernando Lombardi descontou com tapa na cara de Gualberto e também acabou expulso.

Com dois jogadores a mais, o Penapolense partiu para cima em busca da vitória. Após uma série de bolas cruzadas na área sem ninguém completar para as redes, Douglas Tanque recebeu na entrada da área, girou bem e soltou a bomba de esquerda marcar o gol da vitória do time da casa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade