Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Com um de Walter, Fluminense faz 3 a 0 no Flamengo e põe fim a jejum

Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

Desde outubro de 2012, o Fluminense não vencia um clássico. Neste sábado, os tricolores acabaram com o jejum e derrotaram por 3 a 0 o Flamengo, no Maracanã, pelo Campeonato Carioca. Com o resultado, a equipe das Laranjeiras chegou a 16 pontos e se igualou aos rubro-negros, que seguem na liderança da competição pelos critérios de desempate.

O Flamengo foi melhor em boa parte do primeiro tempo, mas quem abriu o placar foi o Fluminense, com Michael, aproveitando cruzamento de Conca. Já na etapa final, os tricolores marcaram o segundo logo no início com Elivélton. Já no fim, o estreante Walter fez o terceiro e deu números finais ao clássico.

Na próxima rodada, o Fluminense vai encarar o Boavista, no sábado, no Maracanã. Já o Flamengo terá mais um clássico, contra o Vasco, no domingo, no mesmo estádio. Antes disso, os rubro-negros estreiam na Libertadores na quarta-feira, no México, contra o León.

Photocamera
Walter estreou ao entrar no segundo tempo e anotar o terceiro gol (Foto: Rodrigo Ferreira / Photocamera)
O jogo - O clássico começou com muita correria, mas sem emoção. A primeira boa jogada aconteceu aos 13 minutos, quando Léo Moura cruzou para Elano, mas o meia cabeceou sem perigo para Diego Cavalieri. No entanto, dois minutos depois, após rebatida da zaga tricolor, André Santos pegou de primeira na entrada da área e acertou o pé da trave.

O Flamengo tinha mais posse de bola, mas não incomodava Diego Cavalieri por conta da boa marcação dos tricolores. Já o Fluminense errava muitos passes e dependia de Conca para chegar ao ataque.

Só que aos 27 minutos, os rubro-negros deixaram o argentino livre. Conca recebeu pela esquerda e cruzou para Michael cabecear sem chance para Felipe e abrir o placar no Maracanã a favor do Fluminense.

O revés não mudou o panorama da partida. O Flamengo seguia com mais posse de bola, mas quem assustou foi o Fluminense, aos 36 minutos. Em contra-ataque rápido, Conca achou Michael na entrada da área. O atacante chutou cruzado, mas para fora.

Nos minutos finais, os rubro-negros pressionaram e conseguiram criar boa chance aos 41 minutos. Hernane ajeitou no bico da pequena área para Everton. Mesmo com alguns tricolores a frente, o meia chutou, mas para fora. Assim, o Fluminense segurou a vantagem até o intervalo.

No segundo tempo, o Flamengo esboçou uma pressão no início, mas viu o Fluminense ampliar a vantagem logo aos três minutos. Após cobrança de falta na área, Gum apareceu livre para cabecear para o gol. Felipe fez a defesa no susto, mas no rebote, Elivelton apareceu para colocar cabecear para a rede.

O revés foi sentido pelo Flamengo, que viu o Fluminense crescer na partida. Com isso, os tricolores passaram a chegar ao ataque com mais facilidade e quase fizeram o terceiro em duas chances. Primeiro, aos 13 minutos, Carlinhos recebeu na área e chutou cruzado com perigo. No minuto seguinte, Conca arriscou de longe e obrigou Felipe a grande defesa.

A partir dai, os tricolores passaram a ser melhores em campo. O Fluminense neutralizou os avanços do Flamengo e aproveitava os espaços para atacar com facilidade. No entanto, a equipe passou a desperdiçar algumas oportunidade de fazer o terceiro.

Só que na parte final, o Fluminense aproveitou falha da zaga flamenguista para fazer o terceiro, aos 40 minutos. Michael cruzou para o estreante Walter marcar em seu primeiro jogo com a camisa tricolor.

Mesmo depois da vitória sacramentada, o Fluminense seguiu em cima e quase fez o quarto, com Walter. O atacante acertou a trave de Felipe. Antes do fim, o argentino Mugni quase fez o de honra para o Flamengo, mas parou em grande defesa de Diego Cavalieri. Depois disso, os tricolores administraram o resultado até o apito final.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade