Futebol/Campeonato Paranaense - ( - Atualizado )

Coritiba vira para cima do Operário e segue na liderança

Curitiba (PR)

Em uma apresentação irregular pela abertura da nona rodada, o Coritiba conseguiu arrancar uma vitória de virada, por 2 a 1 diante do Operário, no Couto Pereira, e segue na liderança do Campeonato Paranaense 2014. Com o resultado, o Coxa chegou aos 17 pontos, seis a mais do que o time de Ponta Grossa, que segue entre os quatro últimos na classificação.

O Fantasma surpreendeu e abriu o placar aos 25 minutos da primeira etapa, com Sandro, que precisou chutar duas vezes para estufar as redes. Depois do intervalo, aos 32 minutos, o estreante Zé Eduardo, o Zé Love, testou para as redes e deixou tudo igual. Júlio César, aos 40 minutos, decretou o resultado final.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrenta o Prudentópolis, quarta-feira, novamente no Estádio Couto Pereira. Já o Operário terá pela frente o Cianorte, no mesmo dia, no Estádio Albino Turbay.

O jogo – A partida começou brigada no meio-campo, com a primeira chance aparecendo apenas aos oito minutos, com Pedrinho, que chutou de longe, em cima da defesa coxa-branca, ganhando escanteio. Após a cobrança, Vanderlei afastou o perigo, com um soco. O Coritiba tinha dificuldades para criar no campo ofensivo, parando em uma marcação forte.

O Alviverde chegou em uma jogada mais contundente aos 19 minutos, com Carlinhos, que recebeu na esquerda, invadiu a área e foi travado no momento exato do chute. Aos 20 minutos, o estreante Zé Love entrou na área e soltou a bomba cruzada para grande defesa de Marcelo. Na reposta, aos 25 minutos, Sandro passou por Vanderlei e tocou para Chico salvar. Porém, no rebote, o próprio Sandro soltou a perna para abrir o placar.

O Coxa não fazia uma boa apresentação, sem força para pressionar na frente e confuso na defesa. Aos 32 minutos, Alex cobrou falta na área e a defesa alviverde afastou o perigo. Nova chance de bola parada para Alex, aos 37 minutos, na entrada da área, mas o garoto de ouro coxa-branca carimbou a barreira. Aos 44 minutos, Júlio César bateu de primeira, por cima da meta.

Na segunda etapa, nenhuma mudança nas equipes. A chuva apertou no Alto da Glória, enquanto o Alviverde tentava se acertar. Aos dois minutos, Alex cobrou falta e a bola subiu demais. Aos nove minutos, Germano pegou sobra de bola após jogada de Júlio César e chutou em cima da defesa, ganhando escanteio.

Buscando mais movimentação no meio-campo coxa-branca, Dado Cavalcanti apostou na entrada de Dudu no lugar de Germano. Aos 13 minutos, Richardson pegou rebote e isolou. Alex não estava inspirado e, aos 20 minutos, tentou cruzamento direto nas mãos de Marcelo. Apagado no segundo tempo, Zé Love apareceu aos 26 minutos, tentado um passe em profundidade, mas sem sucesso.

Sem conseguir a penetração na defesa adversária, o Coritiba arriscava de longe. Aos 28 minutos, Zé Love bateu com efeito e a bola passou perto do ângulo. O estreante da noite acordou para partida e, aos 32 minutos, aproveitando cruzamento de Carlinhos, testou para as redes e empatou. Aos 40 minutos, Keirrison ajeitou na área e Júlio César aproveitou o presente para marcar e decretar a virada no Couto Pereira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade