Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Dagoberto explica ausência e quer voltar a jogar contra o Villa Nova

Belo Horizonte (MG)

O atacante Dagoberto foi poupado do jogo contra a Caldense, em Poços de Caldas, com cansaço muscular. O jogador afirma que o técnico Marcelo Oliveira foi inteligente ao não usá-lo no duelo contra a Veterana para evitar possível lesão e garante que diante do Villa Nova terá condições de atuar sem problemas.

“Tenho que ser inteligente também neste sentido. Tivemos uma semana cheia, em que houve o cansaço muscular. E foi uma atitude muito inteligente de todos, porque com o descanso você se recupera e fica zerado para a sequência”, declara.

Dagoberto disse ainda que a decisão de ficar fora em Poços de Caldas foi tomada em conversa com a comissão técnica. “Foi uma coisa de conversar para segurar, nada além disso. O cansaço muscular pode vir a ser prejudicial e o Marcelo Oliveira decide e manda. E resolveu me tirar do último jogo. Estou de volta, tranquilo e apto”, diz.

O atacante foi poupado, mas na partida contra a Caldense Borges sofreu lesão, que foi lamentada pelo companheiro de ataque. “É muito fácil culpar o calendário, que tem jogo quarta e domingo. Vou sempre conversar com o treinador, quando preciso. Mas estou muito bem fisicamente. Não sei o que aconteceu com o Borges, mas espero que não tenha sido nada de mais grave e que ele ajude o Cruzeiro o quanto antes”, comenta.

Washington Alves/Vipcomm/Divulgação
Dagoberto deve voltar a atuar às 19h30 desta quarta-feira, quando a Raposa entra em campo pela terceira rodada

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade