Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

De volta após três cartões, Álvaro Pereira admite dosar faltas

Tossiro Neto São Paulo (SP)

O uruguaio Álvaro Pereira entendeu o recado de Muricy Ramalho. Após receber três cartões amarelos nos primeiros cinco jogos no futebol brasileiro, o novo lateral esquerdo do São Paulo reconheceu que talvez precise dosar a força nas disputas de bola, conforme já havia lhe pedido o treinador antes mesmo da suspensão.

"Como estrangeiro, tenho que me adaptar ao futebol brasileiro. As normas estão aí para serem respeitadas. As características de um jogador, não se mudam assim de um dia para o outro. Mas, com trabalho, acho que se aprende. Todo dia se aprende algo", disse.

Quando ainda tinha só dois cartões, Álvaro Pereira tinha outro discurso. Dizia que os árbitros "não confundem vontade e agressividade com má intenção". Após ter sido desfalque pela primeira vez na rodada passada do Campeonato Paulista, o jogador parece ter mudado de ideia.

"Se tomei três cartões em cinco jogos, é porque alguma coisa errada eu fiz. Tenho que tomar cuidado de não tomar mais cartão que se pode evitar", falou, nesta quarta-feira, véspera da partida contra o São Bernardo, no ABC paulista.

Para retornar ao time titular, o uruguaio volta a deixar Reinaldo no banco de reservas. Seu substituto imediato atuou no sábado, no empate sem gol com a Portuguesa, no Morumbi, mas não convenceu Muricy Ramalho de que merece continuar entre os 11 iniciais.

O São Paulo ocupa o segundo lugar do grupo A, com 13 pontos ganhos, três a mais do que o Linense, terceiro colocado. A partir das 21 horas (de Brasília) desta quinta-feira, a equipe buscará no Estádio Primeiro de Maio seu primeiro triunfo como visitante na competição estadual.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade