Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Fábio quer apoio da torcida para Cruzeiro conquistar primeira vitória

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O jogo entre Cruzeiro e Universidad de Chile está marcado para esta terça-feira, às 17h30 (de Brasília), horário pouco comum para um jogo no meio de semana. Mas os jogadores da Raposa contam com o apoio da torcida para lotar o Gigante da Pampulha. O goleiro Fábio entende que o horário não é o ideal, mas espera o apoio rumo ao primeiro triunfo no Grupo 5 da Libertadores.

“O peso da torcida é fundamental, os jogadores com certeza ficam mais motivados quando são incentivados pelos torcedores. Muitos trabalham e infelizmente isso vai prejudicar um pouco o público, é nítido. Um horário que dificulta o deslocamento do nosso torcedor, mas, mesmo assim, temos certeza de que a nossa torcida estará lá no Mineirão novamente em grande número”, declarou.

Além do horário pouco comum, a greve no transporte público em Belo Horizonte, iniciada nesta segunda-feira, será outro fator que dificultará a chegada do torcedor celeste ao Mineirão. Fábio entende que apesar dos obstáculos, o apoio das arquibancadas vai existir e ajudar o Cruzeiro a somar os primeiro pontos na Libertadores.

“O torcedor faz de tudo, passa por qualquer obstáculo, para poder incentivar e acompanhar principalmente a Libertadores, e a gente, dentro de campo, vai retribuir com o máximo de empenho possível para conseguir a vitória”, garantiu o capitão celeste.

Divulgação/Cruzeiro
Fábio era o titular do Cruzeiro na Libertadores de 2009, quando os mineiros perderam a final para o Estudiantes

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade