Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Ganso se livra de dores, deixa Reffis e treina para jogar no sábado

São Paulo (SP)

Não era mesmo grave o incômodo de Paulo Henrique Ganso na coxa, motivo pelo qual ele passou a terça-feira em tratamento. Nesta quarta, o meia deixou o Reffis e participou dos trabalhos com bola do São Paulo, no CT da Barra Funda.

Recuperado das dores, o camisa 10 está à disposição do técnico Muricy Ramalho para a partida de sábado, contra a Portuguesa, no Morumbi. O time é o primeiro colocado do Grupo A Campeonato Paulista, com 12 pontos ganhos, cinco a mais do que o terceiro colocado Linense - três times avançam em cada chave.

Nesta quarta-feira, o clube confirmou dívida de R$ 5 milhões ao DIS, braço esportivo do Grupo Sonda e que ajudou o São Paulo financeiramente a tirá-lo do Santos, em setembro de 2012. O valor é referente à compra de mais 10% dos direitos econômicos do jogador exigida em contrato caso ele atuasse em no mínimo 70% das partidas na temporada passada.

Ao contrário do meia, que reapareceu em campo, Rogério Ceni mais uma vez deixou a parte interna do CT nesta manhã. Sem compromissos no meio de semana, o goleiro de 41 anos aproveita o raro período de preparação para fazer fisioterapia e musculação antes de se juntar ao elenco.

SPFC - Site Oficial
Meia passou a terça-feira em tratamento por acusar dores musculares após a partida contra a Ponte Preta
Os únicos desfalques de Muricy para o fim de semana são o zagueiro Rodrigo Caio e o lateral esquerdo uruguaio Álvaro Pereira, que receberam o terceiro cartão amarelo na derrota para a Ponte Preta, em Campinas, e cumprirão suspensão automática nesta rodada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade