Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Gil e Paulo André recebem pena mínima e estão livres para clássico

São Paulo (SP)

O técnico Mano Menezes recebeu uma boa notícia na tarde desta segunda-feira. Os zagueiros Gil e Paulo André foram julgados pelo Tribunal de Justiça Desportiva paulista e acabaram punidos com uma partida de suspensão cada, mas, como ambos já cumpriram pena automática, estão livres para o clássico de domingo, contra o Palmeiras.

A dupla de zaga titular do Alvinegro foi expulsa na derrota por 2 a 1 para a Ponte Preta, um dia depois da invasão dos torcedores ao CT Joaquim Grava. Assim, os dois ficaram fora de maneira automática da derrota diante do Bragantino, o que serve como pagamento para o julgamento desta segunda.

Enquanto Gil e Paulo André estão liberados para o Derby, o grande desfalque alvinegro para o jogo será mesmo o atacante Emerson Sheik, que recebeu o terceiro cartão amarelo no fim do empate contra o Mogi Mirim.

Mandante no clássico do Pacaembu, o Corinthians chega pressionado ao jogo contra o rival, pois amarga cinco rodadas consecutivas sem vitórias no Paulistão (quatro derrotas e um empate). A campanha deixa a equipe de Mano Menezes no último lugar do grupo B, com sete pontos.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Zagueiros Gil e Paulo André pegaram um jogo de suspensão cada, mas já cumpriram e jogam Derby

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade